Meio Bit » Baú » Games » Jogos musicais desestimulam as pessoas?

Jogos musicais desestimulam as pessoas?

09/09/2009 às 11:09

Você, caro leitor do MBG, já deve ter me visto falar por aqui, por pelo menos uma centena de vezes, que eu venderia um rim para jogar um Pink Floyd: Rock Band/Guitar Hero. Gosto muito da banda e provavelmente são deles as músicas que mais escuto no meu dia-a-dia. Já admiti que mesmo tendo esperança, não acredito que isso um dia irá acontecer pois os caras não costumam liberar suas criações para outras mídias e mesmo em filmes é difícil ouvir alguma música dos ingleses e depois de uma declaração dada à BBC por Nick Mason, baterista do grupo, a chance ficou ainda menor.

Mesmo sendo um interessante empreendimento, me irrita ver meus filhos jogando isso – se eles passassem tanto tempo praticando guitarra quanto levam para aprender a apertar botões, eles já seriam muito bons nela agora.

dori_pf_09.09 Seguindo a mesma linha de raciocínio, o baixista do Rolling Stones, Bill Wyman também fez duras críticas aos jogos musicais:

Eles encorajam as crianças a não aprender, esse é o problema. Estão fazendo com que cada vez menos pessoas se dediquem a aprender a tocar um instrumento. Acho isso lamentável, então não estou nem um pouco interessado neste tipo de coisa.

É óbvio que essas opiniões não querem dizer que as músicas das bandas ficarão de fora da brincadeira, até porque, como muitos de vocês devem saber, não é de hoje que o Rolling Stones está presente nos Guitar Heros. Mesmo assim, a cada dia que passa tenho mais certeza que o Pink Floyd permanecerá apenas nos meus CDs.

[via VG247]

relacionados


Comentários