Meio Bit » Baú » Games » Fire Emblem Heroes, o segundo game mobile da Nintendo

Fire Emblem Heroes, o segundo game mobile da Nintendo

Fire Emblem Heroes é o mais novo título de uma franquia de sucesso da Nintendo a chegar aos dispositivos móveis; experiência será free-to-play com microtransações.

19/01/2017 às 14:33

fire-emblem-heroes

A Nintendo prometeu e cumpriu. Depois de ganhar uma boa grana com sua parcela em Pokémon GO e estrear oficialmente em dispositivos móveis com o fenômeno Super Mario Run a companhia japonesa apresenta Fire Emblem Heroes, seu novo título para iOS e Android. E para a felicidade dos acionistas ele segue a fórmula consagrada dos free-to-play com microtransações.

A série Fire Emblem pode não ser a IP mais famosa da Nintendo, mas sempre apresentou excelentes JRPGs ao longo das décadas. Considerando o formato não é tão estranho pensarmos que a franquia é adequada para smartphones e tablets: há uma série de títulos concorrentes semelhantes e dessa forma, o novo game não só pega carona na tendência como trabalha com a nostalgia, ao trazer de volta heróis e vilões de títulos anteriores.


Nintendo Mobile — Fire Emblem Heroes - Trailer

Fire Emblem Heroes é um RPG tático baseado em turno, semelhante a outros títulos da série. O jogador assume um papel de um invocador que deverá recrutar diversos heróis da série para suas fileiras, de modo a enfrentar os inimigos em combates num grid de 8 × 6 quadrados, semelhante a clássicos como Tactics Ogre e Final Fantasy Tactics. O mesmo sistema de fraquezas da série (o Triangle System, semelhante a um pedra-papel-tesoura; se você joga Mega Man sabe do que estou falando) está presente, e o jogador deve traçar sua estratégia para vencer o exército inimigo que também terá heróis do passado lutando contra você.

O game é gratuito, porém a parte que estimulará o jogador a abrir a carteira é justamente o sistema de invocação de personagens. Você utiliza orbs, a moeda in-game e embora você ganhe algumas regularmente, o jogador também poderá compra-las para aumentar suas chances. Não obstante há um sistema de raridade, em que personagens são catalogados de um a cinco estrelas. Quanto mais estrelas, mais poderoso e obviamente mais difícil de se conseguir. E embora seja possível evoluir seus personagens, não é a mesma coisa do que conseguir um herói com base cinco estrelas.

É semelhante ao sistema presente em Final Fantasy Brave Exvius, onde quem gasta mais tem mais chances de conseguir melhores aliados e montar uma equipe poderosa. Em resumo, é algo bem próximo de “gacha” game (expressão usada para games que estimulam o jogador a sempre comprar dinheiro in-game) e que se mal dosado, pode prejudicar a experiência final para quem não deseja gastar.

fire-emblem-heroes-001

Ainda assim a Nintendo aposta bastante em Fire Emblem Heroes: mais da metade do Nintendo Direct dedicado aos novos títulos da franquia (a saber Fire Emblem Echoes: Shadows of Valentia para 3DS que será lançado em 19/05, um novo título ainda sem nome final para o Switch em 2018 e Fire Emblem Warriors, da mesma equipe de Hyrule Warriors para Switch e New 3DS no terceiro trimestre) foi ocupado pelo game mobile, o que indica o interesse em fazer com que o game seja um sucesso e claro, renda bastante dinheiro.

Fire Emblem Heroes será lançado para iOS e Android no dia 02 de fevereiro, e a Google Play Store já abriu o pré-registro.

Aos interessados segue Nintendo Direct completo, com a (longa) porção dedicada a Fire Emblem Heroes começando aos 8′34″:


Nintendo — Fire Emblem Direct 1.18.2017

relacionados


Comentários