Meio Bit » Arquivos » Games » Half-Life 3 poderia ter sido um jogo de estratégia

Half-Life 3 poderia ter sido um jogo de estratégia

De acordo com o editor da revista Game Informer, em determinado momento a Valve cogitou transformar o Half-Life 3 em um jogo de estratégia em tempo real. Será que daria certo?

09/01/2017 às 10:00

A pergunta de um milhão de dólares no mundo dos videogames é: quando os fãs finalmente terão a oportunidade de jogar o Half-Life 3? Infelizmente a resposta que muitos acreditam ser a mais provável é um sonoro “Nunca!”, mas ainda continuamos por aqui na expectativa para que esse cenário mude.

Pois é esse fio de esperança que continua fazendo com que pessoas tentem descobrir o que a Valve estava tramando para o jogo e após uma investigação, o editor executivo da revista Game Informer descobriu alguns detalhes interessantes sobre o projeto.

Conforme contou em um podcast, Andrew Reiner afirma ter ouvido de uma fonte confiável que diversos protótipos foram criados para o HL3, sendo que todo o processo podia ser descrito como uma bela bagunça.

Existiam vários protótipos diferentes sendo trabalhados por pequenas equipes formadas por quatro ou cinco pessoas. Eles nunca decolaram,” explicou Reiner. “Eles disseram duas das direções em que estavam indo: uma era um jogo RTS para o Half-Life 3 ou Episode Three, seja lá a maneira como eles o chamariam… A outra envolvia atores reais. Seria um novo tipo de jogo de ação/adventure com atores reais. Meio que como o Night Trap, mas muito mais avançado. Aparentemente eles estavam trabalhando nessas coisas.

É claro que falar agora que tais projetos não dariam certo é fácil, afinal a própria desenvolvedora acabou desistindo deles. Porém, é preciso considerar a enorme capacidade da Valve para criar ótimos jogos e caso o título realmente tivesse seguido para um desses caminhos, não duvido que a empresa conseguisse dar uma bela chacoalhada no mercado.

No entanto, acho que uma mudança tão radical no estilo só seria aceita por boa parte dos fãs caso não se tratasse de uma sequência direta, com uma “maluquice” dessas caindo muito melhor se tivesse sido comercializada como um spin-of.

De qualquer forma, o grande problema é que depois de tanta demora e uma Valve que teima em comentar sobre o que está produzindo, invariavelmente um Half-Life 3 sofrerá críticas quando for lançado, sendo incapaz de suprir tamanha expectativa que foi criada por tanta gente. Pensando nisso, talvez o melhor para empresa seja mesmo continuar fingindo que nada aconteceu.

Fonte: nternational Business Times.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários