Meio Bit » Arquivos » Fotografia » Fuji Finepix S200EXR

Fuji Finepix S200EXR

22/07/2009 às 18:14

A Fuji também está colocando diversas câmeras novas no mercado. Mas, ao contrário da Olympus que só anunciou compactas básicas no dia de hoje, no meio das câmeras da Fuji existem três que vão chamar muita atenção. A primeira delas e a Fuji Finepix S200EXR, sucessora da Finepix S100FS e nova ocupante do posto de mais avançada ultrazoom com características semi-profissionais do mercado mundial. A nova câmera chega com 12 megapixels de resolução máxima e usando o avançadíssimo SuperCCD EXR com 1/1,6 polegadas. Além disso, temos a lente Fujinon com 14,3x de zoom ótico (equivalente a uma 30,5-436mm) projetada com duplo sistema de estabilização de imagem.

A câmera tem várias características interessantes e se formos citar todas vamos ter aqui um texto gigante. Mas, algumas das novidades são muito bacanas e realmente trazem evolução no equipamento. A primeira delas são as possibilidades trazidas pela tecnologia do novo sensor EXR. Como anunciado quando o sensor foi apresentado para a imprensa, a nova S200EXR vai trabalhar com três modos distintos de usabilidade do sensor. No modo High Resolution, a câmera vai usar todos os 12 megapixels do sensor e entregar uma imagem de qualidade dentro dos padrões dos SuperCCDs da Fuji. Já no Wide Dynamic Range a câmera captura duas imagens de 6 megapixels e as combina em apenas uma, aumentando assim o nível de detalhes a serem capturados. Porém, o mais interessante, segundo o meu entendimento, é o High Sensitivity and Low Noise que foi a alternativa encontrada pela Fuji para driblar o alto nível de ruído em fotos com ISO elevado. Quando acionado o High Sensitivity and Low Noise cada pixel do sensor se une ao pixel que está a seu lado para formar um pixel maior e melhorar a captação de luz e diminuir o ruído.

Outro ponto a se levantar, e que sempre foi uma coisa fraca nas câmeras da Fuji, é a velocidade e confiabilidade do autofocus. Segundo o press reliase da empresa, a nova S200EXR tem um novo sistema de foco que vai facilitar a captura das imagens tanto em situações de muita luz quanto nas situações de baixas luzes. Isso sim seria um grande avanço nesse novo equipamento. Porém, ela continua não possuindo um sistema TTL de flash externo, embora a Fuji garanta que o flash incorporado tem um novo sistema de iluminação com várias formas de programação. A câmera teria uma aceitação muito maior no mundo semi-profissional se essa pequena deficiência fosse superada.

Do ponto de vista da fotografia criativa, os modos de simulação de filmes foram mantidos. É possível fotografar usando as características específicas dos filmes Velveia, Provia, Astia, e filmes Preto e Branco e Sépia. Indo contra todas as tendências da fotografia atual, o equipamento não tem capacidade de filmar em alta definição, ficando somente no padrão VGA (640 x 480 pixels). Talvez a Fuji esteja perdendo o bonde da história, ou simplesmente apostando na qualidade da fotografia em detrimento das perfumarias.

Em resumo, um grande equipamento que deve deixar muita gente com água na boca. Tomara que a empresa traga uma para o Brasil para apresentar durante e próxima Photo Image que acontece em agosto em São Paulo.

Fuji s200EXR

Fonte: Dpreview

relacionados


Comentários