Meio Bit » Baú » Games » A vida imitando a (décima) arte

A vida imitando a (décima) arte

13/07/2009 às 22:24

Quem jogou o Fallout 3 sabe que um dos seus maiores (se não único) “amigo” durante a longa aventura é o computador que o protagonista carrega em seu braço, o Pip-Boy 3000. O aparelho é usado para as principais tarefas do jogo, como gerenciar itens e missões, verificar o mapa e até mesmo ouvir rádio. Após algumas horas dentro do game, é praticamente impossível não sentirmos vontade de ter uma máquina dessas e o exército norte-americano está tratando de resolver o problema.

Usando energia solar e pensando menos de 250 gramas, o Pip-Boy primeira edição brinquedo está sendo desenvolvido pelo HP Labs e permitirá que seja feita a transmissão de dados e rádio, tudo sendo exibido em uma tela de plástico flexível e usando e-ink que envolverá o braço dos soldados. Estimasse que a versão final esteja disponível em 2011 e as coincidência estão começando a ficar perigosas, Coréia testando misseis nucleares, em 2011 lançam o Pip-boy e o que poderia vir depois? A confirmação do quarto estágio da criação?

Ah! E por falar em Fallout 3, os pacotes de atualização da versão para o PS3 foram adiados para Setembro e a ordem de lançamento foi alterada. Agora o primeiro a aparecer na PSn será o Broken Steel, conteúdo que permite aos jogadores continuar jogando com o mesmo personagem após o término da história principal.

dori_fall_13.07.09

[via Game Stooge]

relacionados


Comentários