Meio Bit » Baú » Hardware » Confirmado: Moto M, o intermediário da Lenovo para o mercado chinês

Confirmado: Moto M, o intermediário da Lenovo para o mercado chinês

Exclusivo do mercado chinês, o Moto M é o novo smartphone intermediário da Lenovo com acabamento metálico e especificações bem interessantes.

09/11/2016 às 11:01

moto-m-001

Os rumores se revelaram verdadeiros: o Moto M, o novo smartphone intermediário da Lenovo/Motorola foi oficialmente lançado na China com uma proposta de dispositivo acessível com características bem interessantes.

O Moto M é um smartphone voltado para o consumidor que deseja um aparelho relativamente decente mas não quer gastar muito. Para tanto os chineses abriram mão da Qualcomm e fecharam com a MediaTek ao equipa-lo com um MT6755 Helio P15, octa-core Cortex-A53 com quatro núcleos de 2,2 GHz, quatro de 1 GHz e GPU Mali-T860MP2, display Super AMOLED de 5,5 polegadas com resolução Full HD (401 ppi), 4 GB de RAM, 32 GB de espaço interno expansível via Micro-SD (até 256 GB), câmera principal de 16 megapixels com abertura f/2,0, autofoco, Flash LED duplo, HDR e que filma em 1080p a 30 fps, câmera selfie de 8 MP, sensor biométrico na traseira, Dual-SIM, Bluetooth 4.1, A-GPS, GLONASS, BDS, NFC, conector USB-C, bateria de 3.050 mAh e Android 6.0 Marshmallow.

O design do Moto M remete ao G4, porém com um corpo metálico de melhor acabamento que seu irmão mais velho. E com 51,4 x 75,4 x 7,9 mm e 163 g ele acaba sendo um dispositivo bem compacto e leve.

Pois bem: considerando que ele é uma proposta entre o Moto Z e o Moto G (algo que o colocaria como um Moto X para o mercado chinês; vale lembrar de que rumores apontam para o lançamento de mais um aparelho da linha Moto ainda em 2016, desta vez equipado com o Snapdragon 625) a Lenovo ficou o preço em ¥ 1.999,00, o que hoje são cerca de R$ 939,00. Nada mau.

Por enquanto o Moto M é exclusivo do mercado chinês (já disponível) e a Lenovo não informou se pretende lança-lo em outros mercados. Caso o aparelho dos rumores venha a ser um novo Moto X, que está demorando a dar as caras é possível que este fique restrito ao País do Meio e outras nações do leste asiático. Vamos aguardar.

Fonte: Motorola.

relacionados


Comentários