Meio Bit » Baú » Mobile » Portabilidade alcança a marca de 2 milhões no Brasil

Portabilidade alcança a marca de 2 milhões no Brasil

02/07/2009 às 18:51

A portabilidade começou devagar no Brasil há exatos 10 meses. Começou em regiões menos populosas, até alcançar todo o Brasil em março desse ano. Mesmo assim o começo foi devagar, menos de 1% das pessoas pediam a portabilidade no começo das operações de cada região. Só que com o tempo esses números foram crescendo e essa semana chegaram à marca de mais de 2 milhões de pedidos, sendo que já foram migradas cerca de 1,5 milhões. Desses números, 33% representam telefonia fixa e 67% telefonia móvel. O estudo foi feito pela ABR Telecom, empresa responsável pela portabilidade numérica no Brasil.

Minha experiência pessoal com a portabilidade veio com a queda brusca do sinal da operadora TIM SP em casa e no trabalho. Já havia ligado algumas vezes reclamando e logicamente nada (duvido que eles iam me dar uma antena de presente), quando eu me cansei decidi voltar para a Claro (onde fiquei 7 anos, mas que pisaram muito na bola). Decidi voltar para a Claro por "test-drives" de celulares de amigos e conhecidos em ambos os ambientes e com todas as operadoras. Bem, após contatar a Claro e pedir a portabilidade, passado algumas horas a TIM me liga oferecendo um N95 (não, obrigado), R$ 60,00 de desconto na mensalidade por 12 meses e um prazo para resolverem o problema do sinal. Passado esse prazo, a TIM melhorou pouco o sinal, mas melhorou. Mesmo assim entram em contato constantemente, já pediram testes etc. Essa é uma dica minha como usuário de telefonia móvel pós-paga e que não gasta milhões de celular por mês, na verdade gasto bem pouco. Segue a dica para os leitores do Meio Bit: vale a pena pechinchar e levar a briga adiante.

Link: TI Inside

relacionados


Comentários