Meio Bit » Baú » Games » Será que um Gears of War “não-shooter” funcionaria?

Será que um Gears of War “não-shooter” funcionaria?

Phill Spencer e diretor criativo da The Coalition falam sobre a possibilidade de um dia vermos um Gears of War que não seja um shooter, mas será que algo assim realmente daria certo?

29/09/2016 às 13:00

gears-of-war-4

Quando falamos na série Gears of War, a primeira coisa que costuma vir à nossa mente é um bando de brutamontes trocando tiros com alienígenas armados até os dentes. Por isso é difícil pensar em um capítulo da franquia que funcione sem ser um shooter, mas de acordo com Phil Spencer e o diretor criativo Chuck Osieja, isso poderá acontecer.

Ao serem questionados em um evento sobre em que tipo de gênero a série poderia se encaixar, o responsável pela divisão Xbox pediu para o amigo tomar cuidado com o que diria, sugerindo que algum projeto já pode estar em desenvolvimento, mas após Osieja dar uma resposta demasiadamente genérica, Spencer fez uma desaprovação em tom de brincadeira e resolveu se posicionar.

Definitivamente já reunimos a equipe para falar sobre o futuro do Gears of War e acho que existem muitas maneiras de contar aquele história. Múltiplos gêneros. Acho que é uma grande propriedade intelectual e uma que pode existir de forma linear, em livros — vemos isso; em diferentes gêneros de jogos.

Isso evidentemente não significa necessariamente que um dia veremos um Gears of War num estilo bem diferente do que temos hoje, mas a declaração logo começou a gerar especulações e os fãs já estão tentando imaginar como poderia ser tal jogo.

No fundo não sei se daria muito certo, mas ao saber de tal possibilidade, imediatamente pensei num título criado pela Telltale Games, que poderia fazer um excelente trabalho em abordar a invasão dos Locusts por um ponto de vista mais dramático. Acho que também seria legal vermos um jogo stealth onde controlássemos um personagem indefeso, talvez uma criança no meio da guerra e outra possibilidade seria fazer um jogo de estratégia, assim como vemos no Halo Wars.

De fato, as possibilidades são muitas, mas confesso ter sérias dúvidas se os fãs da franquia se interessariam por algo que não esteja focado em nos escondermos atrás de objetos e em serrarmos alienígenas ao meio. Por outro lado, um Gears of War que não seja um shooter pode ser uma ótima maneira de conquistar um novo público e por isso acho muito provável que a Microsoft e a The Coalition realmente sigam por este caminho.

Fonte: Gamespot.

relacionados


Comentários