Meio Bit » Arquivos » Games » Interplay está vendendo suas franquias

Interplay está vendendo suas franquias

Interplay anuncia que venderá as franquias que ainda possui e isso provavelmente significa que uma das gigantes da década de 90 está perto de desaparecer.

09/09/2016 às 8:30

earthworm-jim

Fundada em 1983 e tendo ficado conhecida na década de 90 como uma das desenvolvedoras e editoras mais poderosas da indústria, a Interplay nos deu uma série de títulos de peso. De Fallout a Baldur's Gate, passando por Descent, Earthworm Jim e MDK, foram muitos os jogos dessa empresa que marcaram época.

Vieram então os problemas, como por exemplo várias disputas judicias contra a Atari, a Snowblind Studios e a Bethesda, o que resultou até na cessão dos direitos das marcas Baldur's Gate, Dark Alliance e Fallout, o que somado a várias decisões equivocadas por parte daqueles que controlavam a companhia, fez com que a Interplay se apequenasse quase ao ponto de desaparecer.

Pois para a tristeza daqueles que passaram tanto tempo se divertindo com os clássicos publicados por esse empresa, eles anunciaram que venderão todas as suas franquias, o que significa mais de 70 jogos de diversas séries, como Freespace, Battlechess e Clayfighter.

A Interplay entreteve milhões de jogadores com seus jogos muito conhecidos, incluindo Earthworm Jim, Freespace, Giants, Kingpin, Messiah, MDK, Run Like Hell, Sacrifice, Battlechess, Clayfighter, Dark Alliance e Descent. Como criadores de jogos, temos orgulho do entretenimento que essas propriedades ofereceram ao longo dos anos,” declarou Eric Caen, presidente da Interplay. “Com a proliferação do mobile, da realidade aumentada, da realidade virtual e de outras formas de consumo, acreditamos que os consumidores estão prontos para experimentar e interagir com os personagens, histórias e jogabilidade da Interplay de maneiras que nunca foram possíveis anteriormente. Estamos ansiosos para ver como esse portfólio único de ícones do entretenimento interativo evoluirá para um público global.

O anúncio provavelmente significa que a remasterização do Clayfighter que a Drip Drop Games pretendia lançar ainda esse ano não deverá mais acontecer e outra dúvida que persiste é se a venda acontecerá num pacote ou se as marcas poderão cair em diversas mãos, o que acho muito mais provável.

Isso nos faz pensar quem seriam os mais indicados para passar a controlar tantos jogos de respeito e se pudesse escolher, eu gostaria muito que o MDK ficasse com a Insomniac Games; o Earthworm Jim com a Wild Sheep, estúdio de Michela Ancel; o Dark Alliance com a Monolith Productions, afinal é lá que está boa parte do pessoal da Snowblind Studios e o Clayfighter com a Double Helix, já que eles fizeram um bom trabalho com o novo Killer Instinct.

Mas seja lá quem assumirá o controle dessas franquias, o que parece certo no momento é que quando a última delas for vendida, lamentávelmente será o fim de uma empresa que muitos de nós aprendemos a adorar.

Fonte: Rock, Paper, Shotgun.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários