Meio Bit » Baú » Ciência » Há uma ínfima possibilidade de que tenhamos detectado um sinal extra-terrestre

Há uma ínfima possibilidade de que tenhamos detectado um sinal extra-terrestre

Cientistas detectaram um sinal… interessante vindo de uma estrela a 94 anos-luz da Terra. Não, não foi Hitler, lamento. Por enquanto estou tentando provar que é alarme-falso, mas há uma ínfima porém não-nula chance de ser nosso Primeiro Contato.

29/08/2016 às 20:20

vlulJKZ843k2fCRgIaUlm8X2EWz

A fonte não é o History Channel, e por enquanto Hitler não está envolvido. Quem divulgou foi o professor Claudio Maccone, do Instituto SETI, adiantando uma pesquisa que será divulgada em dia 27 próximo, no 67º Congresso Internacional de Astronáutica, em Guadalajara.

O paper se chama SETI observations on the RATAN-600 telescope in 2015 and detection of a strong signal in the direction of HD 164595 BURSOV N., FILIPPOVA L., FILIPPOV V., GINDILIS L., MACCONE C. et al.

O sinal foi detectado em 2015 pelo RATAN-600, um radiotelescópio russo. A origem é HD 164595, uma estrela virtualmente idêntica ao Sol, a 94,4 anos-luz de distância. O sinal na faixa de 11 GHz durou quatro segundos e não trouxe nenhuma informação, parece ser apenas um farol ou portadora.

Ratan

Os cientistas estão tentando descartar todas as origens terrenas ou naturais, a possibilidade de ser de origem alienígena é muito pequena, até pela intensidade, o sinal chegou forte demais para qualquer tipo de transmissor conhecido, a civilização teria que dominar energia em uma escala estelar.

Jogando contra também há o argumento de que somente o RATAN-600 captou o sinal, e ele não se repetiu mas ninguém mais estava observando HD 164595.

ratan_2

Como aqui não é G1, somos realistas e explicamos que não é um sinal em resposta aos nossos próximos sinais de rádio. Mesmo as primeiras transmissões de Marconi, que chegaram em HD 164595 em 1996 se respondidas na hora só chegariam na Terra por volta de 2090, fuck Einstein.

Da mesma forma que os neutrinos supraluminosos, as chances desse sinal ser alien são ínfimas, próximas de zero, mas ainda assim são maiores que zero e sempre podemos sonhar.

Claro, sendo realmente realista podemos estar pagando um mico galáctico. Arthur Clarke dizia que nossos esforços de detecção de sinais alienígenas podem equivaler a selvagens em volta de uma fogueira tentando falar com aviões usando sinais de fumaça. Talvez toda a tecnologia de rádio se torne obsoleta por uma descoberta daqui a 500, 200, ou mesmo 100 anos. Pode ser que rádio seja o Betamax da galáxia e só planetas primitivos o usem.

Com certeza é uma melhor explicação pro Paradoxo de Fermi, do que a outra possibilidade, a de que Vida é incrivelmente rara e estamos sós no Universo.

Fonte: Centauri Dreams.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários