Meio Bit » Baú » Miscelâneas » Governator Schwarzenegger quer livros digitais opensource para crianças

Governator Schwarzenegger quer livros digitais opensource para crianças

14/06/2009 às 16:33

No que os críticos chamam de primeiro passo na disseminação da Skynet, o Governador da California e Robô Assassino do Futuro, Arnold Schwarzenegger propôs acabar com os livros tradicionais.

Segundo ele o Estado gasta muito dinheiro com livros escolares, que se tornam obsoletos no momento que saem do prelo. Com livros digitais as crianças teriam acesso a informação mais atualizada, o conteúdo errado imediatamente corrigido e, dependendo da tecnologia, acesso a conteúdo multimídia.

O Amazon Kindle imediatamente vem a mente. Praticamente todo profissional de TI adoraria trocar toneladas de livros de referência por um bichinho daqueles. Estudantes universitários idem. Assim que os leitores de ebooks com tela colorida e preço acessível aparecerem, o mundo dos quadrinhos também mudará.

Ao contrário de idéias como o OLPC, o conceito do Governator engloba inclusive o conteúdo. Há diversas iniciativas que disponibilizam material didático Open Source, com licenças amigáveis e custo zero.

Um dos defensores do conceito foi mais além: Explicou que para trabalhar com livros didáticos open source a escola só precisa de uma impressora. É verdade. O projeto pode funcionar mesmo sem os leitores e-ink de livros digitais que o Governator imagina.

Os grandes problemas dos livros didáticos são os erros e a falta de atualização. Um modelo em Wiki, como o material do OpenContent.org resolve ambos. Pensando bem, onde está o Ministério da Educação que não promoveu algo assim no Brasil? Ah sim, está ocupado subsidiando livros didáticos que mostram a América do Sul com DOIS paraguais.

Fonte: ABC News

relacionados


Comentários