Meio Bit » Baú » Games » Online do Disney Infinity ganha data para morrer

Online do Disney Infinity ganha data para morrer

Disney anuncia o dia em que o Disney Infinity perderá sua porção online e revela que boa parte das versões do jogo deixarão de funcionar mesmo offline.

01/08/2016 às 8:30

disney-infinity

Dizer que a série Disney Infinity foi um fracasso talvez seja um exagero, mas depois dela surgir como um dos principais nomes do gênero toys-to-life e de ter o potencial para se tornar uma mina de ouro, a sua morte prematura foi no mínimo frustrante, ainda mais por ter levado consigo toda a divisão de games da Casa do Mickey.

Diante deste cenário, sabíamos que o desligamento dos servidores do jogo aconteceria cedo ou tarde e devido a um email enviado pela produtora, agora conhecemos uma data exata para isso acontecer: dia 3 de março de 2017. Mas não é só isso, existem alguns detalhes revelados por eles que merecem ser comentados, principalmente porque a situação é uma verdadeira bagunça.

Para começar, saiba que as versões do Disney Infinity 2.0 para PC, iOS, Android e Apple TV já perderam as microtransações, com as compras só estando disponíveis no Disney Infinity 3.0 vendidos pelo Steam. Isso até pode não ser um grande problema, mas a Disney anunciou que a partir do dia 20 de setembro, quem comprou o jogo para PC, iOS ou Android não poderá mais fazer o login, o que basicamente significa que eles perderão todo o acesso ao título. No caso da Apple TV, até poderemos acessar o game, mas ele não estará mais disponível na loja.

Então o próximo “evento” marcado para o Disney Infinity acontecerá no dia 3 de janeiro, quando a versão para Windows 8/10 perderá as vendas in-game e depois disso virá o derradeiro dia 3 de março, quando os recursos online de todas as versões enfim morrerão e pior, as versões para Apple TV e Windows* deixarão de funcionar.

Ou seja, se você investiu na compra de um Disney Infinity para consoles, ao menos poderá continuar jogando sua porção offline ou criando toy boxes, já para todo o resto, sinto lhe informar, mas em breve ficará com um jogo que não serve para nada, nem como peso de papel.

Confesso desconhecer as limitações técnicas que impediriam o game de continuar funcionando, mas é inevitável não achar que a Disney errou feio ao matar completamente o jogo nas outras plataformas e para quem gastou dinheiro nessas versões, o gosto amargo deixado pela notícia deverá demorar a sumir.

Particularmente considero muito triste revoltante ver uma empresa tomando uma atitude como essa, mas tenho que admitir que continuo por aqui tentando encontrar alguns bonequinhos por preços acessíveis.

*Não consegui entender muito bem como ficará o jogo vendido na loja da Valve, pois a principio a nota diz que “as versões para Steam do Disney Infinity 2.0 & 3.0 continuarão operacionais, com exceção de todos os serviços online”, mas depois ela afirma que as versões para Windows 8/10 “não estarão mais disponíveis, serão suportadas ou poderão ser jogadas”. Será então que ao dizer Windows a empresa quis se referir apenas ao jogo vendido pela Windows Store?

relacionados


Comentários