Meio Bit » Baú » Games » E3 2009 • Impostos. Sony fazendo sua parte

E3 2009 • Impostos. Sony fazendo sua parte

04/06/2009 às 13:44

Sempre que se fala em redução de impostos dos videogames, muitos afirmam que não há interesse do governo e tantos outros defendem a opinião de que as empresas do ramo deveriam fazer uma pressão nos políticos. Enquanto a primeira linha de raciocínio permanece sem resposta, a segunda começa a sair do papel, pelo menos é o que garante Mark Stanley, gerente geral da Sony para a a América Latina.

Stanley concedeu uma entrevista ao UOL Jogos onde confirmou o interesse da empresa em lançar a família Playstation (PSP, PS2 e PS3) por aqui e um dos detalhes mais interessantes é que, segundo ele, a Sony está em negociação com o nosso governo para que os impostos sobre os videogames sejam reduzidos. A estimativa é que os jogos eletrônicos recebem uma tributação maior até do que de máquinas de videopker, o que não preciso dizer ser um absurdo, não é mesmo?

O executivo afirmou ainda o interesse da gigante japonesa em lançar a Playstation Network em terras tupiniquins e disse que ainda não foi decidido se os jogos e aparelhos serão importados ou fabricados aqui, o que reduziria o valor entre 20 e 30%. Para concluir, Stanley acredita que se a tributação no Brasil for menor, temos potencial para igualar o mercado mexicano em três anos e ultrapassá-los em até cinco anos.

Na minha opinião, com valores bem menores do que os praticados atualmente, nos tornaríamos o maior mercado da América Latina em bem menos tempo. Muito boa sorte à Sony e que outra produtoras sigam o exemplo.

dori_ps_04.06.09

[via O Globo Online, com dica do leitor zio]

relacionados


Comentários