Meio Bit » Baú » Games » Após insucesso, Evolve vira um jogo free-to-play

Após insucesso, Evolve vira um jogo free-to-play

Estúdio surpreende e na tentativa de salvar o Evolve, transforma o FPS em um jogo gratuito. Será que isso conseguirá salvar um dos maiores fracassos de 2015?

08/07/2016 às 8:26

evolve

Eu gostaria muito de poder dizer que o Evolve foi uma grande decepção, mas depois de jogar um pouco da versão beta da criação da Turtle Rock Studios, não consegui achar a menor graça no game e por isso perdi completamente o interesse por ele. Mas o pior é que aparentemente muitas pessoas pensaram o mesmo e não demorou para que ele passasse a ser considerado um dos grandes fracassos de 2015.

Há de se reconhecer que desde o lançamento o estúdio tem feito o possível para salvar o FPS, mas com os servidores vazios e sem muita esperança de que o cenário mudaria, a desenvolvedora decidiu dar a última cartada na tentativa de reverter a situação e ela veio na forma de transformá-lo num jogo gratuito.

Com isso, desde ontem qualquer pessoa que quiser experimentar o game poderá fazer isso baixando-o gratuitamente pelo Steam e embora a versão que está disponível agora seja um beta, ela consiste do jogo completo. Você então deve estar se perguntando a o que teremos acesso nessa reformulação, então vamos lá.

No momento não é possível adquirirmos qualquer conteúdo para o jogo mediante um pagamento com dinheiro, o que provavelmente será disponibilizado em breve, mas o interessante é que os envolvidos na produção garantem que tudo poderá ser desbloqueado apenas jogando.

Já para quem tinha adquirido o game anteriormente, a Turtle Rock Studios espera reconhecer a dedicação dessas pessoas lhes dando presentes e recompensas, mas por enquanto o que elas levarão é um status especial e acesso imediato a todo o conteúdo que possuíam na versão paga. Vale lembrar que o jogo foi bastante criticado justamente por sua política de DLCs.

Também é importante dizer que várias outras mudanças foram feitas no game, desde a interface até a redução no tempo de carregamento, passando por um balanceamento nas classes e até melhorias na progressão e no tutorial. Se tudo isso será suficiente para trazer as pessoas voltarem para as partidas, teremos que esperar para saber, mas se o modelo free-to-play implementado por eles for minimamente honesto, acho que poderão ter uma melhor sorte dessa vez.

Quanto aos consoles, o estúdio disse no Twitter que pretende levar o Evolve Stage 2 também ao Xbox One e PlayStation 4, mas só após terminarem os testes no PC.

Fonte: Ars Technica.

relacionados


Comentários