Meio Bit » Arquivos » Games » Para Peter Moore, consoles estão com os dias contados

Para Peter Moore, consoles estão com os dias contados

Para um dos principais executivos da EA, os consoles deverão ser substituídos pelo streaming de jogos, mas será que isso é tão ruim quanto parece?

09/05/2016 às 10:00

consoles

Quantas vezes você ouviu alguém dizer que os consoles não tem futuro? Pois é, eu mesmo já fiz essa pergunta umas 300 aqui no blog e embora tais aparelhos continuem por aí firmes e fortes (uns mais, outros nem tanto), ainda há quem defenda que eles não irão muito longe.

Uma dessas pessoas é Peter Moore, um dos nomes mais fortes da Electronic Arts e que durante uma entrevista disse acreditar que o crescimento do streaming deverá acabar com os consoles da maneira como conhecemos hoje.

Não tenho certeza se existirão consoles como os conhecemos. Os jogos serão acessados por tecnologia de streaming, então não precisaremos de hardware intermediários entre os dois. Se você e eu quisermos jogar o Battlefield 12 um contra o outro, simplesmente saltaremos para o jogo via qualquer monitor que tenhamos em casa. Será num chip, ao invés de em uma caixa.

Por ser um jogador que cresceu nos consoles e que sempre temeu previsões sobre o fim deles, minha tendência é torcer para que Moore esteja errado, mas se olharmos para o cenário ideal, onde a internet funciona corretamente e sendo capaz de nos entregar um jogo por streaming sem atrasos, é difícil não desejar que sua previsão se concretize. Afinal, quem não gostaria de poder jogar qualquer coisa sem precisar ter que investir na compra de um console, PC ou o que quer que seja?

No entanto, a previsão do executivo ainda parece um sonho distante, pelo menos para nós pobres mortais que pagamos uma fortuna por acesso capenga a internet, o que por si só justifica o medo de um próximo PlayStation ou Xbox serem vendidos apenas como um controle para ser ligado a uma tela, assim como imaginou Katsuhiro Harada, produtor da série Tekken.

Por outro lado, temos que levar em consideração que serviços como o PlayStation Now já estão funcionando nos Estados Unidos e até que há alguns anos tive a oportunidade de testar o OnLive e mesmo aqui do Brasil ele funcionou muito bem. Além disso, como os atuais consoles da Sony e da Microsoft deverão receber versões aperfeiçoadas em breve, é muito provável que seu sucessores demorem bastante para aparecer e até lá a tecnologia de streaming poderá evoluir bastante.

Mas o que você acha disso tudo? Gostaria de ver uma mudança do modelo de consoles para algo tão diferente do que temos hoje?

Fonte: Gamnesia.

relacionados


Comentários