Meio Bit » Baú » Games » Ainda há dignidade na indústria

Ainda há dignidade na indústria

07/05/2009 às 18:58

Muitas vezes nós reclamamos que determinado jogo deveria ter sido feito desse ou daquele jeito, contudo, raramente ficamos sabendo dos bastidores da produção de algum título e após ler as palavras de Tim Schafer sobre alguns detalhes sobre o jogo Brütal Legend, tive certeza de que o sujeito é realmente um dos game designers que merecem meu total respeito.

Após ser questionado se o sucesso alcançado pela série Guitar Hero ajudou o seu jogo a conseguir uma publisher, ele disse o seguinte:

Quando cogitamos a criação do Brütal Legend pela primeira vez, foi antes do Guitar Hero ser anunciado e falamos para eles [alguns figurões da indústria]: ‘Temos esse jogo ambientado no mundo do heavy metal’ [e então eles disseram:] ‘Nós gostamos do jogo, mas teria como mudar para um jogo de hip-hop ou até mesmo country music?’

Depois do Guitar Hero ser lançado e contando com Iron Man como uma das primeiras músicas, toda uma nova geração foi exposta a esse tipo de música. Então, quando nós apresentamos o jogo em uma segunda oportunidade, houve muito mais interesse para que ele fosse exatamente o que tinha de ser, que era um brutal jogo de ação/aventura.

Eu gosto bastante de rock, mas não escondo de ninguém que não suporto heavy metal. Mesmo assim, acho louvável a atitude do mestre Schafer por não ter se rendido a pressão da indústria. Agora muitos jogadores colocam o Brütal Legend no topo de suas futuras listas de aquisições e não precisarão aguentar um Cow Legend ou Guetto Legend.

dori_bru_07.05.09

[via Destructoid]

relacionados


Comentários