Meio Bit » Baú » Games » ESL bane equipe de eSports ligada a site pornô

ESL bane equipe de eSports ligada a site pornô

Electronic Sports League decide banir equipe criado pelo site YouPorn e embora proibição estivesse prevista nas regras, assunto já divide opiniões.

25/04/2016 às 10:00

team-yp

Há quase dois anos o site YouPorn virou notícia na indústria de games após oferecer patrocínio para equipes profissionais que disputavam campeonatos de League of Legends, Dota 2 ou Hearthstone e depois de causar uma grande polêmica e chegar a montar uma equipe chamada Team YP, o assunto promete voltar a ser debatido pelos gamers.

O problema é que uma das associações mais importantes da modalidade, a Electronic Sports League baniu o time alegando sua ligação com um site “amplamente conhecido pela pornografia… ou outros temas e produtos [voltados para] adultos.

Para deixar o motivo da exclusão ainda mais claro, um porta-voz da ESL soltou o seguinte comunicado:

A publicidade de pornografia não é algo legal nos mercados em que operamos e a vasta maioria de parceiros com quem trabalhamos possuem rigorosas regras contra ‘drogas, álcool e pornografia’ que contratualmente levamos em conta. Essas não são regras novas, mas que temos no nosso guia de regras há bastante tempo.

Conversamos com o gerente do Team YP no início deste ano e nessa conversa explicamos a situação e as regras detalhadamente, e oferecemos procurar alternativas maiores em grupos mais amplos. Ao mesmo tempo, consultamos nossas equipes legais sobre isso.

Ou seja, pelo o que foi dito esse era um risco que o pessoal do Team YP sabia que estava correndo e se tal proibição estava prevista nas regras da associação, acho que eles não tem muito do que reclamar, possivelmente restando apenas procurar outros torneios para disputar.

Além disso, não quero parecer puritano com o que direi, mas a verdade é que boa parte do público dessas competições é formado por crianças e por isso acho natural que os donos da brincadeira não queiram ver seu produto sendo associado a pornografia. É claro que os interessados não deixarão de consumi-la por causa disso, mas me parece uma medida no mínimo previsível e bastante razoável.

O curioso porém é que, exceto por umas leves brincadeiras de duplo sentido, o material que o Team YP utiliza e vende em seu site não faz qualquer menção ao YouPorn, então será que os responsáveis pela ESL não teriam sido rigorosos demais?

Fonte: GamesBeat.

Leia mais sobre: , , , , .

relacionados


Comentários