Meio Bit » Baú » Games » Utomik, o novo candidato a “Netflix dos games”

Utomik, o novo candidato a “Netflix dos games”

Usando uma nova técnica de download progressivo, o Utomik é mais uma tentativa de oferecer aos jogadores uma espécie de “Netflix dos games”.

01/03/2016 às 10:02

utomik

Eu já perdi as contas das vezes em que vi um serviço de streaming tentar se vender como o “Netflix dos games” e mesmo com o OnLive e o Gaikai não tendo se saído muito bem nesta tentativa, uma empresa de Palo Alto tentará sua sorte neste campo, mas com uma pequena (ok, talvez não tão pequena assim) diferença na maneira como entregará os jogos aos usuários.

Combinando jogos pela nuvem e arquivos nos computadores dos jogadores, o Utomik iniciou esta semana o seu período de beta onde os interessados terão acesso a duas semanas gratuitas e após isso pagarão uma mensalidade de US$ 5,99 para ter acesso a 145 jogos. Este preço valerá enquanto os testes estiverem sendo feitos, passando para US$ 10 depois disso.

O que promete diferenciar o Utomik dos demais é que ao invés de consumirmos os jogos apenas por streaming, assim como acontece com o PlayStation Now e em breve com o nVidia Grid, ele nos enviará apenas pequenos pedaços dos jogos, arquivos que serão suficientes para sairmos jogando e conforme nos divertimos o restante continuará sendo baixado em segundo plano.

Conhecida como download progressivo, essa técnica não é nova, mas o que os responsáveis pelo Utomik afirmam é que eles criaram uma maneira melhor de predizer quais arquivos precisaremos a seguir, o que faz com que os downloads sejam menores e eles só ocorrerão enquanto estivermos jogando.

Ainda segundo a empresa, isso garante que os jogos sejam experimentados sem lags, rodando exatamente igual às suas versões tradicionais e como o custo de manutenção dos servidores é muito inferior a o que temos no modelo tradicional de streaming de jogos, eles podem oferecer um serviço tão barato.

Porém, a maneira como os título são entregues impede que eles rodem em praticamente qualquer máquina, um dos principais trunfos por exemplo do OnLive, mas com a expectativa de que a lista de games ofertados em breve pule para cerca de 600, esta pode ser uma ótima alternativa para muita gente.

O grande problema é que por enquanto o Utomik só está disponível no Canadá, nos Estados Unidos e em parte da Europa, o que é uma pena, pois com o preço dos jogos subindo tanto no Brasil, um serviço de locação como este poderia permitir que um número bem maior de pessoas tivesse acesso a certos títulos.

Fonte: Gamasutra.

relacionados


Comentários