Meio Bit » Baú » Games » Ubisoft decide dar um tempo à série Assassin's Creed

Ubisoft decide dar um tempo à série Assassin's Creed

Ubisoft confirma que este ano não veremos um novo Assassin's Creed, mas será isso o suficiente para a franquia se reerguer?

12/02/2016 às 8:30

Assassins-Creed-Unity

Ultimamente poucos jogos tem sido mais criticados pela falta de inovação ou por não passarem de meros caça-níqueis quanto os da franquia Assassin's Creed e depois de ouvir tantas reclamações, a Ubisoft confirmou um rumor que há dias circulava pela internet: este ano a série principal não verá um novo lançamento.

A notícia foi divulgada junto com o balanço financeiro da editora, onde eles revelaram ainda que em 2017 deverão lançar a continuação do Watch Dogs e um novo jogo baseado no desenho South Park, mas o que se destacou foi mesmo esse tempo que a empresa dará à sua principal marca.

Este ano recuamos e reexaminamos a franquia Assassin's Creed. Como resultado decidimos que não existirá um Assassin's Creed em 2016.

Desde o lançamento do Assassin's Creed Unity aprendemos muito com o feedback de vocês. Também atualizamos nosso processo de desenvolvimento e nos comprometemos a tornar o Assassin's Creed em uma importante franquia de mundo aberto. Usaremos este ano para evoluir as mecânicas de jogo e garantir que cumpriremos a promessa de o Assassin's Creed entregar uma única e memorável experiência de jogabilidade que torne a história o playground de todos.

Isso no entanto não significa que passaremos 2016 inteiro sem nada relacionado a franquia, afinal só este ano já tivemos o lançamento do Assassin's Creed Chronicles: China e do Assassin's Creed Chronicles: Russia e em dezembro estreará o filme baseado na marca.

Aliás, a adaptação para o cinema parece ser algo que pesou na hora da decisão, já que segundo Yves Guillemot, CEO da Ubisoft, a empresa não queria vincular o filme a um jogo que não abordasse o mesmo tema e o executivo inclusive disse que as pessoas envolvidas com a película ficaram bastante contentes por não termos um jogo este ano.

Particularmente acho boa essa ideia deles darem um descanso ao Assassin's Creed, pois assim (pelo menos na teoria) poderão se dedicar mais a o que estiver sendo produzido. O problema é que isso não é garantia de que a qualidade aumentará e um exemplo recente pôde ser visto na série Need for Speed, que mesmo depois de um hiato o último lançamento recebeu várias críticas.

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários