Meio Bit » Baú » Games » O decepcionante caso do crowdfunding do Unsung Story

O decepcionante caso do crowdfunding do Unsung Story

Depois de conseguir no Kickstarter o valor necessário para ser produzido e sofrer com adiamentos, o jogo Unsung Story teve sua produção interrompida e a sensação é de que os contribuidores foram enganados.

09/02/2016 às 10:00

Unsung-Story

Sempre que falamos sobre jogos que conseguiram seu financiamento coletivo no Kickstarter e demoraram mais do que o esperado para serem lançados, o primeiro caso que vem à cabeça da maioria das pessoas é o de Keiji Inafune e o seu Mighty No. 9. Porém, essa está longe de ser a pior história de projetos que passaram por lá.

Uma que ganhou bastante repercussão nos últimos dias foi a do jogo Unsung Story: Tale of the Guardians, título que em 2014 conseguiu mais de US$ 660 mil e que chamou a atenção não só por prometer um bom RPG tático, mas por estar sendo desenvolvido por Yasumi Matsuno, game designer responsáveis por obras de artes como o Final Fantasy Tactics e Vagrant Story.

Embora a campanha não tenha conseguido o valor necessário para que o jogo recebesse versões para o PlayStation 4, PS Vita e 3DS, a expectativa era de que ele aparecesse no PC na metade do ano passado, o que evidentemente não aconteceu. Para piorar, esse não seria o único problema por qual passaria a produção, já que de uma hora para outra os responsáveis pela criação decidiram que o título perderia sua campanha principal e seria focado nas partidas mutiplayer.

As reclamações logo surgiram, mas o que as pessoas que colocaram seu dinheiro na criação do Unsung Story não sabiam era que aquela não seria a maior (nem a pior) surpresa que teriam, já que a última atualização publicada pelo estúdio confirmou o que muitos temiam: o desenvolvimento do game foi interrompido e agora não existe previsão para que ele seja lançado.

De acordo com o comunicado emitido pelo pessoal da Playdeck, eles perderam vários membros chaves da equipe, o que tem impedido que a empresa trabalhe em mais de um projeto ao mesmo tempo e como atualmente eles precisam fortalecer a parte financeira, decidiram voltar suas forças para jogos que possam ser lançados num curto período. Ou para que fique claro: "gastamos seu dinheiro e para que possamos pagar nossas contas, vocês que se danem!"

Ainda segundo a nota, no momento eles estão estudando terceirizar parte do desenvolvimento do Unsung Story, mas que por enquanto não existe nada de concreto e nada foi dito sobre devolver o dinheiro para aqueles que se sentiram (na minha opinião, com razão) enganados.

relacionados


Comentários