Meio Bit » Baú » Fotografia » Eyeborg — substituindo o olho por uma câmera.

Eyeborg — substituindo o olho por uma câmera.

Cineasta canadense troca olho por câmera de vídeo. Filmagem com uma perspectiva diferente.

26/01/2016 às 13:15

Eyeborg (2)

Parece coisa de ficção científica, mas está acontecendo na vida real. Rob Spence é um cineasta de Toronto que teve um acidente infeliz com uma espingarda aos 9 anos e perdeu a visão de seu olho direito. Levando a sério aquele ditado se a vida lhe der limões, então faça uma limonada ele decidiu, 26 anos depois, fazer uma coisa que muitos poderiam julgar radical. Ele retirou o olho cego e colocou no lugar uma câmera de vídeo.

A brincadeira foi feita em 2011, porém o primeiro protótipo era muito feio. Para falar a verdade, gera uma certa agonia em quem encarava o cineasta. Agora, alguns anos depois, o projeto evoluiu um pouco. Foi criada uma prótese, esteticamente parecida com o olho humano, com a câmera em seu interior e que trabalha com um transmissor de rádio frequência. Não ficou uma beleza, mas está menos desconfortante visualmente.

Eyeborg (1)

Infelizmente a câmera não está ligada a nenhum nervo de Spence e não faz o papel de um olho de verdade (já pensou no futuro?), mas ela grava um total de 3 minutos de vídeo (não encontrei indicação sobre a resolução dos vídeos) e a câmera pode ser ligada e desligada com o toque de um imã perto do olho. A limitação de tempo se deve ao superaquecimento do equipamento e é possível ver um live view do que está sendo filmado em uma pequena tela LCD de um computador de mão.

Vejam abaixo a visão da câmera de olho de Spence. Na cena temos sua esposa e seu cachorro na sala de sua casa.

Eyeborg 3

Essa brincadeira já rendeu a Spence uma participação na série Dark Net do Showtime onde os episódios, em forma de documentário, exploram o impacto da tecnologia na vida das pessoas (sexo, memórias, relacionamentos, crianças). Porém, os objetivos agora são mais ousados. Com o desenvolvimento da engenharia da câmera, Spence espera que o tempo de gravação seja elevado para horas, e não minutos. A ideia é utilizar a tecnologia para a gravação de documentários sérios mostrando os vídeos da perspectiva de visão de Spence.

Você pode ver vídeos, depoimentos e uma lista de reportagens que foram publicadas na mídia no site do projeto.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários