Meio Bit » Baú » Indústria » Armas Nucleares são pros fracos, GE agora faz… pimenta

Armas Nucleares são pros fracos, GE agora faz… pimenta

Um grupo está desenvolvendo um dos molhos de pimenta mais fortes do mundo. Para conter essa preciosidade, chamaram a GE. Vão usar décadas de expertise em materiais sintéticos de alta performance para construir uma garrafa capaz de conter o poder ilimitado da tal pimenta…

24/01/2016 às 22:14

374cff9d25b04e52efc3c14783aa9f24

A GE é uma daquelas empresas que venceu o desafio do tempo, produzindo reatores nucleares, armas atômicas, geladeiras e turbinas aéreas, navais e industriais, além de terem um instagram maravilhoso pra quem adora Tech Pron.

Agora a expertise deles será colocada a prova. Em parceria com o Thrillist vão desenvolver um molho de pimenta sinistro. Vão usar uma pimenta chamada Trinidad moruga scorpion, que pode chegar a 2.000.000 na Escala Scoville, que mede a potência de pimentas. Para dar uma idéia, pimentão marca zero na escala. Tabasco fica entre 30.000 e 50.000. Pimenta Malagueta? Entre 50.000 e 100.000. A pimenta mais forte do mundo não passa de 2.200.000.

Conter essa monstruosidade não é fácil. A GE vai usar sua expertise em compostos cerâmicos usados em turbinas, ideais para resistir a temperaturas de milhares de graus e construir uma garrafa de carbeto de silício, uma das substâncias mais duras do planeta.

GE - Thrillist Hot Sauce Image

Infelizmente só vão fazer 1.000 unidades, então lá se vai minha chance de fazer um Curry Grau 6 e encher de inveja meus amigos gringos. Claro, se a GE quiser mandar uma dessas pra resenha…

Fonte: The Daily Meal.

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários