Meio Bit » Baú » Games » Fire Emblem: Fates perderá cena controversa no ocidente

Fire Emblem: Fates perderá cena controversa no ocidente

Tentando evitar uma onda de reclamações ainda maior, Nintendo decide remover da versão ocidental do Fire Emblem: Fates uma controversa cena que envolvia uso de drogas e uma “conversão gay”.

22/01/2016 às 8:31

fire-emblem-fates

A Nintendo possui um longo histórico de censuras em versões ocidentais de jogos para seus consoles, com os casos mais recentes tendo acontecido no Wii U, que viu o Fatal Frame: Maiden of Black Water e o Xenoblade Chronicles X sofrerem cortes quando chegaram por aqui.

No dia 19 de fevereiro o Fire Emblem: Fates será lançado para os 3DSs ocidentais e quando isso acontecer, é bom nos prepararmos para não vermos pelo menos uma das cenas que estava presente na versão lançada no Japão, notícia divulgada pela própria Nintendo.

Na versão do jogo que será distribuída nos Estados Unidos e Europa, não haverá uma expressão que pode ser considerada uma conversão gay ou uso de drogas que acontece entre os personagens,” diz o comunicado emitido pela editora.

A cena em questão envolve a personagem Soleil, que se sente atraída por outras mulheres e que em determinado momento é drogada pelo protagonista sem perceber. A partir de então ela começa a ver todas as outras pessoas com o sexo trocado e acaba se apaixonando por ele (que enxerga como uma mulher). Para os executivos da BigN, o trecho não seria bem aceito no ocidente.

O que talvez eles não esperassem era que muitos não gostariam da censura e na internet já é possível ver alguns fãs mostrarem toda sua indignação com a atitude. Isso talvez se deva principalmente ao fato de que no Fire Emblem: Fates poderemos estreitar tanto os laços entre os personagens que poderá acontecer propostas de casamento, mas sou capaz de apostar que eles jamais permitirão que isso aconteça entre heróis do mesmo sexo.

Particularmente acho o conceito proposto pelo enredo bastante bizarro e entendo que provavelmente ele seria mesmo alvo de muitas críticas neste lado do planeta, mas se existe algo em tudo isso que merece ser reconhecido é a Nintendo ter se antecipado e admitido que alterou o título, da forma mais clara possível e ao contrário do que nos acostumamos a ver ao longo dos anos.

Fonte: Nintendo World Report.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários