Meio Bit » Baú » Indústria » Bob Dorf: 8 passos para não fracassar com a sua startup

Bob Dorf: 8 passos para não fracassar com a sua startup

INCmty 2015 — em sua palestra, o autor do best-seller “The Startup Owner's Manual” Bob Dorf dá 8 passos para uma startup não fracassar antes do quinto ano. Confira!

22/11/2015 às 10:33

Nick_Bob_Dorf_INCmty_peq

Em sua palestra no INCmty, o veterano do mundo das startups e empreendimento Bob Dorf contou um pouco da sua trajetória, e deu dicas sobre como alcançar o sucesso. O autor do best-seller The Startup Owner's Manual, ele tem uma visão bem mais crítica e cautelosa do que a de Uri Levine, mas isto se explica. Tudo começou quando ele tinha 22 anos, e resolveu largar seu emprego para se tornar seu próprio chefe. Ao longo da sua carreira, teve sucessos e outras empresas que fracassaram, mas que o ensinaram o que considera mais importante, o que não se deve fazer.

Nas palavras de Dorf: A experiência nos conta que a maioria das startups falha, e que a imensa maioria delas não viverá para ver seu quinto ano. Quando eu coloco meu nome em alguma coisa, eu não vou permitir que ela falhe, mas se mesmo assim ela falhar, pelo menos saberei que fiz tudo o que eu podia.

Para uma startup alcançar o sucesso, é preciso dedicar uma imensa quantidade de horas de trabalho, este é o mínimo para que você possa encarar seus investidores nos olhos: É preciso pensar muito bem antes de comprometer 20.000 horas em uma startup baseada em um aplicativo. Existem 1 milhão e meio de apps na App Store com as quais você vai ter que competir, mais ou menos 90% deles são gratuitos e, ainda pior, cerca de 10 apps são responsáveis por metade do dinheiro gasto.

Para Dorf, é importante pensar nestas questões desde os primeiros dias da sua startup: Pense nisto agora, e não um mês depois do lançamento, caso contrário, você estará decretando a pena de morte da sua empresa. A medida que você vai aprendendo o que o seu consumidor quer, é preciso colocar este conhecimento no seu aplicativo: a verdadeira quebra vem das únicas pessoas que realmente importam, os usuários. O essencial para ele é o R-S-P (Repeatable, Scalable, Profitable), se o sucesso que você alcançou pode ser repetido, se pode ser escalonado e o principal, se pode ser lucrativo.

Nas palavras de Dorf: tudo começa com uma ideia, mas ter ideias é algo relativamente simples, criar grandes empresas é bem mais difícil. O empreendedor de uma startup precisa ser alguém muito entusiasmado, já que este não é um trabalho que possa ser feito no seu tempo livre. Dorf contou uma conversa que teve com um investidor, na qual disse que iria dedicar apenas metade do seu tempo para a startup, mas quando percebeu, estava trabalhando 12 horas por dia no projeto. Ao ligar para reclamar com ele, recebeu a resposta de que o investidor tinha pagado pelas horas em que ele passava acordado.

Para chegar lá, Dorf cita 8 passos que aprendeu na prática.

Nick_Bob_Dorf_INCmty_flyer

Persista, foque-se, “sempre esteja a inovar” (crédito: @INCmty)

  1. Crie uma equipe: Não tente fazer tudo sozinho, você precisa de uma equipe que trabalhe tanto quanto você. Você vai precisar de um hacker e um hustler, um programador e alguém bom de vendas. Para ele, o sucesso de uma startup depende 90% da equipe, e 10% da ideia: Encontre pessoas que sabem coisas que você não sabe.
  2. Nunca pare de torturar a sua ideia: Não deixe de questionar se o seu projeto é realmente bom. Não se apaixone pela sua ideia, esta é a pior coisa que um empreendedor pode fazer. Não seja confiante demais, para não acabar como a BlackBerry
  3. Tenha certeza de que está resolvendo algum problema real: Negócios só dão certo quando resolvem algum problema. Antes de investir 20 mil horas da sua vida em algo, tenha certeza de que existe mercado para o seu produto, e que está resolvendo o problema dos seus clientes
  4. Não converse sobre seu projeto com seus amigos ou sua família: Esta é a regra do bebê feio. Você nunca irá dizer a um parente ou amigo que o filho recém nascido deles é feio, e da mesma forma, quem gosta de você não irá te dizer que o seu app não faz sentido
  5. Se coloque no lugar do seu cliente: depois de encontrar qual o problema que deve ser resolvido, pesquise o que a sua concorrência está fazendo. Visite lojas e sites, faça buscas no Google, tente entender quem é o seu cliente, e crie seu produto focado neste mercado
  6. Sempre procure pensar da maneira que os seus clientes pensam: Faça testes e escute o que as pessoas dizem, depois teste novamente com outras pessoas. Quando você alcançar respostas consistentes, você saberá que está no caminho certo. Apesar disto, Dorf recomenda é preciso analisar com calma todas as sugestões, filtrando o feedback dos clientes para manter o foco no que realmente importa, não adianta criar um aplicativo que procura resolver todos os problemas, e sim algum específico.
  7. Encontre seus clientes: Procure pensar desde o primeiro dia em como irá vender o seu produto. Esta é a parte mais complicada, mas é preciso encontrar o equilíbrio exato entre o benefício que você oferece e o valor que ele irá render. Procure se imaginar como um investidor colocando dinheiro no negócio, e assim, analise todas as possibilidades
  8. Acredite em Jesus (Martinez): citando um empreendedor mexicano que fez sucesso no ramo de floricultura, desde um pequeno negócio com o qual fracassou muitas vezes, até se tornar uma grande empresa que movimenta muito dinheiro: fracassar muitas vezes pode ser a melhor coisa que acontecer a você

·
Dorf terminou sua palestra falando sobre o seu livro, que traz mais de 500 erros idiotas que ele cometeu em sua trajetória: é melhor ler sobre estes erros do que fazê-los na sua empresa.

Leia também:

relacionados


Comentários