Meio Bit » Baú » Mobile » Rapidinhas do Android: apps por streaming e alerta de ads na Play Store

Rapidinhas do Android: apps por streaming e alerta de ads na Play Store

Pílulas do Android: o Google agora oferece streaming de apps através do Search e a Play Store passará a avisar quais aplicativos consomem dados celulares com propaganda.

19/11/2015 às 13:31

android

O Google está se mexendo para oferecer cada vez mais opções aos donos de Androids. A mais nova ajuda na hora em que você gostaria de acessar uma informação que só está disponível em um determinado app, e você está na rua e não quer/não pode estourar sua franquia com vários megabytes de download.

A solução: aplicativos por streaming, através do Google Search.

O Google entende que muitas informações que se procuram hoje em dia estão só disponíveis em apps, e para evitar o momento chato em que você se vê obrigado a baixar um aplicativo e gastar sua preciosa franquia a empresa está oferecendo uma solução de streaming através da busca.

Funciona assim: ao realizar uma pesquisa o Search vai retornar além dos sites mais acessados um link em destaque para um aplicativo relevante. Ao clicar nele o app irá abrir normalmente como se estivesse instalado, permitindo total acesso a suas funções. Ideal para situações de emergência em que você descobre que aquele app não está instalado.

android-streaming-app

O Google pretende expandir a oferta de aplicativos no futuro mas por enquanto apenas nove são compatíveis com o streaming pelo Search: são eles Chimani, Daily Horoscope, Gormey, Hotel Tonight, My Horoscope, New York Subway, Useful Knots, Visual Anatomy Free e Weather. Um início modesto mas que desde já promete, se o plano for executado da maneira correta.

Já a outra mudança diz respeito a alertar o consumidor sobre o que ele pretende instalar em seu smartphone. Através de um comunicado que está sendo enviado a desenvolvedores Android que o site Droid Life teve acesso, Mountain View irá estender a política de avisos sobre apps com ads introduzida na seção familiar (apresentada no Google I/O) a todo o acervo.

De acordo com a mensagem, a partir do dia 11 de janeiro todos os devs deverão acessar o Console de Desenvolvedor e informar se seus aplicativos contém anúncios de propaganda ou não. A mudança é obrigatória, caso contrário o Google não mais aprovará atualizações. A empresa também se reserva no direito de suspender apps que confundam o usuário nesse aspecto, e também de classificar qualquer aplicativo como suportado por ads se assim achar necessário.

O que isso significa? Que muito provavelmente ao acessar a Play Store veremos avisos não só de aplicativos com compras online como também de exibição de ads, que ajudará na decisão final de instalar determinado programa ou não. Ótimo para quem deseja apenas usar uma função e não ver propaganda a cada cinco segundos.

Fontes: Google e Droid Life.

relacionados


Comentários