Meio Bit » Baú » Games » Menu do Xbox One perderá comandos por gestos com o Kinect

Menu do Xbox One perderá comandos por gestos com o Kinect

Executivo da Microsoft revela que a atualização New Xbox One Experience removerá os comandos por gestos no menu e explica que isso acontecerá porque quase ninguém utiliza o recurso.

12/11/2015 às 8:30

New-Xbox-One-Experience

O Xbox One recebe hoje uma das maiores atualizações desde o seu lançamento, com o console passando a rodar uma centena de jogos do seu antecessor, ficando cada vez mais próximo do Windows 10 e com sua interface sofrendo uma profunda reformulação. Porém, essa mudança não trará só adições.

A má notícia afetará aqueles que utilizam o Kinect para navegar pelos menus do aparelho, já que de acordo com o diretor de gerenciamento de programas, Mike Ybarra, a pequena quantidade de pessoas que faziam isso não justificava manter o recurso.

Sobre os gestos, quando olhamos para a New Xbox One Experience queríamos priorizar funções que os consumidores estavam pedindo, além de melhorias em áreas da interface existente do Xbox One. Então, queríamos olhar para o modelo de casos de uso de recursos que tomam bastante investimento e dizer, ‘continua valendo a pena investir nessa área?’

Com os gestos, a verdade era que a utilização era muito, muito baixa. Então, por enquanto a cortamos da New Xbox One Experience. Quando lançarmos [a atualização] no dia 12, eles não estarão no produto. Nós continuaremos monitorando e escutando o feedback para ver se as pessoas querem isso.

Ou seja, ficou claro que a possibilidade de voltarmos a ver os comandos por gestos não foi totalmente descartada e se a quantidade de pessoas que o utilizam era realmente tão pequena, essa ausência não deverá ser tão sentida e pelo menos a Microsoft tomou o cuidado de manter os comandos por voz, esse sim um recurso bem mais comum entre os donos de um Xbox One.

Ainda assim, esta remoção serve para reforçar a ideia de que o Kinect é um acessório que, ao contrário do que a Microsoft tentou nos vender por um bom tempo, está muito longe de ser tão necessário quanto poderia, mas o que realmente me incomoda não é que a partir de hoje não poderemos controlar o console com gestos, mas não termos praticamente nenhum jogo aproveitando o acessório.

Fonte: Windows Central.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários