Meio Bit » Baú » Software » Suporte da HP e Dell recomendam usuários a fazer downgrade do Windows 10

Suporte da HP e Dell recomendam usuários a fazer downgrade do Windows 10

Preguiça, má-vontade ou política? Suporte via fone da Dell e HP recomendam usuários a fazerem downgrade do Windows 10 para resolver problemas triviais.

09/11/2015 às 13:31

windows-10

Todo mundo já passou por uma situação parecida: seu computador dá problema, você liga para a assistência e o técnico, que não passa de um sobrinho inventa que a causa daquele bug que poderia ser resolvido com um tratamento simples é passível de reinstalação do sistema. É a nossa versão do have you tried turn it off and on again e toda vez que alguém vinha com essa eu ficava louco não por mim, mas por outros que esse pessoal enrola frequentemente.

O engraçado é que ao menos nos Estados Unidos, o suporte por telefone da Dell e HP estão fazendo exatamente isso para resolver os problemas do Windows 10, mais precisamente fazer um downgrade para versões anteriores do sistema.

O primeiro a constatar que algo estranho está acontecendo foi o site LaptogMag.com, que costuma fazer avaliações anuais dos serviços de suporte prestados aos consumidores através do telefone, solicitando soluções para diversos problemas, alguns bem simples. Na análise do serviço da Dell por exemplo foi pedido uma resolução para mudar a direção do scroll do touchpad — algo que é feito via menu, independentemente da versão do Windows. Mesmo isso se mostrou um “grande bug” quando presente no Windows 10, o suficiente para o técnico do outro lado da linha recomendar a remoção do sistema operacional antes de transferir a chamada para outro, que resolveu a situação da maneira correta.

A desculpa? “O Windows 10 é cheio de bugs”. Tudo bem que a Microsoft oferece a atualização gratuitamente para donos de cópias originais do Windows 7, 8 ou 8.1 e dependendo do caso é certo que o sistema se mostrará instável, mas é raro — comigo mesmo nada aconteceu até agora.

O suporte da HP atua de forma similar. Uma chamada de 57 minutos sobre um software proprietário da companhia resultou na mesma resposta de outro técnico, remover o Windows 10. Nesse caso há certa razão, o programa é incompatível com a nova versão do SO mas muito melhor é simplesmente desinstalá-lo do que forçar um downgrade.

Segundo o VP de Experiência do Consumidor da HP Mike Nash, “o trabalho dos técnicos é colocar os computadores para funcionar”. Assim é compreensível que uma determinada plataforma seja preterida de forma a fazer com que seus próprios programas continuem rodando, embora não justifique a ação. A Dell não deu maiores explicações para a atitude de seu técnico que mal sabe mexer em menus.

Podem ser casos isolados? Talvez, mas mostra que tanto lá quanto aqui gente destreinada trabalhando em suporte não é novidade. Quanto à desculpa da HP, ela que se vire para fazer seus softwares conversarem com o Windows 10 ao invés de recomendar o downgrade a seus usuários.

Fonte: Digital Trends.

Leia mais sobre: , , , , , .

relacionados


Comentários