Meio Bit » Arquivos » Engenharia » Com vocês o avião inflável!

Com vocês o avião inflável!

Se funciona para patinhos de borracha pneus e propagandistas de posto de gasolina, talvez funcione para aviões. Ao menos foi o que alguém do Pentágono pensou, e gastou uma boa grana com a Goodyear para desenvolver um avião… inflável. Imagino que depois de quase 20 anos e milhões de dólares depois o projeto tenha sido encerrado com uma carta “Ops, vocês entenderam errado, queríamos um avião INFALÍVEL”.

31/10/2015 às 10:31

Goodyear-Inflatoplane_airwar_inflatoplane-05

As notas de rodapé da História estão cheias de projetos mal-sucedidos, e a aviação não é exceção, embora todo mundo sempre mostre o mesmo vídeo com aviões esquisitos. Vários projetos criados com a melhor das intenções acabam não dando muito certo, mesmo quando cumprem as especificações originais.

É o caso do Goodyear Inflatoplane. Em algum momento dos Anos 50 o Pentágono especificou um conceito de um avião de pequeno porte, com um ou dois lugares, capaz de ser lançado de pára-quedas ou levado de jipe ocupando pouco espaço. Em situações de emergência ele seria montado e os felizardos fugiriam dali.

Faz sentido? Bem, em teoria sim. No papel o primeiro modelo, o GA-468 era um bom brinquedo. Capaz de levar um piloto, tinha um motor de 2 tempos produzindo 40 hp, podia levar até 110 kg (incluindo piloto) e com 76 litros de gasolina voava 630 km a uma velocidade de 116 km/h e altitude de 3 km.

Na prática? Bem, veja:

Jaglavak — Goodyear GA-468 Inflatoplane

Foram produzidos 12 aviões infláveis entre 1955 e 1962, mas o projeto, provavelmente mastigando aquela verbinha federal gostosa, foi empurrado com a barriga até 1973.

No final o Exército cancelou o projeto quando perceberam, depois de um bom número de milhões de dólares, que “não há uso militar válido para um avião que pode ser derrubado com um arco e flecha”.

Verdade.

Rambo

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários