Meio Bit » Baú » Games » World of Warcraft é como cocaína

World of Warcraft é como cocaína

02/03/2009 às 11:07

Você joga ou já jogou World of Warcraft? Certa vez eu decidi dar uma chance para o jogo, já que tanta gente falava dele. Fiz o download da versão de teste e após dois dias “internado” no mundo virtual, resolvi que aquilo não era para mim. Não que o jogo seja ruim, pelo contrário. O pouco que joguei me fizeram ficar preso ao game e como não estava disposto a dedicar as poucas horas vagas que tenho apenas nele, resolvi removê-lo do PC e fingir que um dia estive correndo pelas terrenos de Azaroth.

Para tentar mostrar o perigo que um jogo desse pode se tornar, uma associação sueca que tem como objetivo levar outras formas de entretenimento aos jovens além dos jogos eletrônicos irá publicar um comunicado classificando o WoW como “a cocaína do mundo dos jogos de computador”. O estudo usou como base vários contatos feitos com jogadores e seus parentes.

No ano passado, a Suécia se assustou ao saber de um menino que chegou a para no hospital após ter um colapso depois de jogar WoW por 20 horas seguidas. De acordo com Sven Rollenhagen, funcionário da Stiftelsen Ungdomsvård, “não há se quer um caso de vício em games com quem eles tenham trabalhado que o World of Warcraft não tenha participação“ (o que sem dúvida se trata de um exagero).

Tenho notado que dia após dia estão surgindo notícias falando sobre a “game dependência” e ainda não fui capaz de elaborar uma opinião sobre o assunto. Da mesma forma que eu acho isso um pouco de sensacionalismo, acho perfeitamente possível alguém largar todas as suas atividades para se dedicar a algum jogo. Quem nunca sentiu vontade de faltar aula só para ficar jogando aquele joguinho que acabou de ganhar/comprar?

dori_wow_27.02.09

[via The Local]

relacionados


Comentários