Meio Bit » Baú » Indústria » Dell absorve a EMC por insanos US$ 67 bilhões

Dell absorve a EMC por insanos US$ 67 bilhões

Dinossauros se viram para não virarem história; Dell anuncia absorção da empresa de dados EMC por US$ 67 bilhões, a maior fusão da cena tech da história

13/10/2015 às 11:01

dell-emc

O mercado de PCs nos últimos anos saturou além da conta. A evolução da computação móvel a passos largos cobrou seu preço de empresas que tradicionalmente viviam de desktops, vide como a HP está. A Dell não está muito diferente disso, mas ainda possui alguns (muitos) tostões para tentar diversificar seus negócios e sair da crise.

Ontem a companhia anunciou a aquisição da EMC Corporation, a maior companhia de armazenamento de dados do planeta por US$ 67 bilhões, sendo essa a maior negociação do cenário de tecnologia da história.

A Dell pagará aos acionistas da EMC US$ 33,15 por ação, sendo que US$ 24,05 será em dinheiro vivo. O restante será referente à participação na VMWare, empresa de softwares de virtualização; 80% de seu capital pertence à EMC. O negócio transforma a Dell na maior empresa de tecnologia de capital fechado do mundo, porém a VMWare continuará sendo de capital aberto.

Qual o motivo por trás do movimento? A Dell entendeu que insistir no mercado doméstico de PCs não tem futuro, e ao adquirir a EMC passa a ser uma presença maior no cenário corporativo ao atuar em mercados de servidores (que ela já atende), como também em armazenamento e virtualização.

O negócio foi aprovado pelo conselho da EMC, que aconselha os acionistas a venderem suas partes na companhia para a Dell. Michael Dell, fundador e CEO da companhia de computadores permanecerá no cargo, enquanto que o atual presidente da EMC Joe Tucci ficará à frente da companhia somente até a conclusão da fusão. A previsão é que o negócio se conclua entre maio e outubro de 2016, após o acordo passar por todas as avaliações necessárias.

Fonte: CNBC.

Leia mais sobre: , , , , .

relacionados


Comentários