Meio Bit » Baú » Games » A lição que o Netflix ensinou à serie Call of Duty

A lição que o Netflix ensinou à serie Call of Duty

Treyarch se baseia em estratégia adotada pelo Netflix e com o Call of Duty: Black Ops 3 liberará desde o início qualquer fase da campanha principal.

13/10/2015 às 8:30

cod-black-ops-3

Por ser alguém muito ansioso, assistir séries de TV em conta gotas é um sofrimento com o qual tive que aprender a conviver. isso até surgir o Netflix e me proporcionar a maravilha do binge-watching. Como o serviço de streaming costuma liberar de uma vez todos os episódios de uma temporada, assisti-los no ritmo que eu quiser (e puder) é uma ótima vantagem e agora isso chegará aos videogames, mais precisamente à série Call of Duty.

Quem testará este terreno será a Treyarch com o Black Ops 3, permitindo que assim que começarmos a jogar a campanha principal possamos pular para qualquer capítulo que quisermos, incluindo o último e quem falou sobre a novidade foi Jason Blundell, diretor do modo em que enfrentaremos zumbis no jogo.

Isso lhes dará a flexibilidade de consumir o conteúdo da maneira que quiserem. O sistema de desbloqueio de níveis é uma mentalidade arcaica… — você faz isso, então vai para o próximo.

Os consumidores e os jogadores no geral estão muito mais maduros atualmente. Existe tanta coisa hoje em dia competindo por nossos interesses. Trata-se de, como eles consumirão isso? Talvez eles deixem o jogo de lado na fase dois e então eles estão no trabalho no dia seguinte e alguém diz, ‘cara, você precisa dar uma olhada na fase quatro!’ E ele pensa, ‘ok, darei uma rápida olhada.’ Isso é muito bom. Acho que é a escolha deles.

Quando o Netflix lançou o House of Cards e todos os episódios, todo mundo pulou para o final e foi assistir o último episódio? É claro que você poderá, mas se trata da jornada, certo? Claro, as pessoas poderão pular e jogar o último estágio. Ok, legal, isso é com elas.

Por valorizar muito bons enredos em jogos, acho um pouco estranho a bagunça que isso poderá gerar, mas como sei que boa parte das pessoas estão preocupadas apenas em dar uns tiros pelos mundos virtuais e que muitos nem experimentam as campanhas da série Call of Duty, a ideia me parece bem interessante.

Acho também que eles poderiam encontrar uma maneira de manter o fluxo da história independentemente da ordem em que encarássemos as fases, mas não sei se isso seria viável do ponto de vista da narrativa. Mas que seria muito legal, isso seria.

Fonte: Eurogamer.

relacionados


Comentários