Meio Bit » Baú » Ciência » Ops… motor de foguete chinês atinge uma casa

Ops… motor de foguete chinês atinge uma casa

Era meio questão de tempo, e agora aconteceu. O último lançamento espacial chinês foi bem-sucedido, exceto pro dono da casa onde caiu um dos motores de 3 toneladas do primeiro estágio. AINDA não tivemos a primeira morte por lixo espacial, mas é só aguardar. Aí vão pensar em fazer alguma coisa.

30/08/2015 às 21:56

20150105lm3a_03

Não é de hoje que que o aviso foi dado, cientistas de foguetes jogam com uma roleta russa faz tempo, tudo por causa da Lei Natural de que tudo que sobe tem que descer, ou mais precisamente, cair.

Chegar no espaço é fácil, qualquer grupo de estudantes com foguetes amadores consegue, difícil é ficar por lá. Pra isso você precisa de muita velocidade, por isso foguetes são lançados em direção oposta ao sentido de rotação da Terra, aproveitando assim a velocidade inicial. É, neste momento você está se movendo a 1.600 km/h, mas como tudo colado no chão (e a atmosfera também) está, não percebe.

É uma ajuda mas para uma órbita estável é preciso mais de 28 mil km/h, isso come muito combustível. A solução é usar foguetes de vários estágios. O lado ruim é que esses estágios vão cair em algum lugar. Idealmente você precisa de uma base próxima ao Equador e com oceano ao Leste. O Brasil tem locais ótimos mas nossa incompetência e xenofobia impediram que transformássemos esses espaços em lucrativos centros espaciais. A União Européia tem a excelente base na Guiana, os americanos na Flórida, o Japão tem uma ótima base também.

A China até teria locais mas por causa da Guerra Fria decidiu manter suas instalações espaciais no meio do país, e isso gera um problema. Os estágios caem, e só a probabilidade impede que atinjam algo habitado. Só que com a população crescendo, as chances aumentam. É comum achar esses destroços no Cazaquistão e na China, mas agora ficou pessoal.

A culpa foi deste bicho aqui:

CNZxru9UYAA_-LO

É um Longa Marcha 4C, lançado sem aviso dia 26 de agosto, levando o satélite espião secreto Yaogan-27. O Centro de Lançamento de Taiyuan fica relativamente isolado, mas não o bastante. Dessa vez o primeiro estágio acertou uma casa.

nerdoffice

Ninguém ficou ferido, mas foi sorte. Cada motor YF-20C pesa quase 3 toneladas, não deve ser nada agradável acordar com um desses batendo no seu teto.

CNeys9_WsAAhqu9

CNeys99WoAAzm3y

Divertido como pixelaram o rosto do sujeito pra proteger a privacidade, como se não bastasse chegar na região e perguntar onde fica a casa onde o foguete caiu.

O pior é que dificilmente o cidadão poderá vender o motor pro ferro-velho ou pros americanos, e se o governo pagar alguma indenização mal vai dar pra pagar o prástico pra cobrir o buraco. Esperemos que ao menos isso já que é ali perto a Deal Extreme e que ela entregue rápido.

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários