Meio Bit » Baú » Fotografia » Como as capas de revista mudaram nos últimos 100 anos?

Como as capas de revista mudaram nos últimos 100 anos?

Veja como capas de revista mudaram nos últimos 100 anos, juntamente com o padrão de beleza.

26/08/2015 às 15:22

capas_time

A geração atual pode não saber, mas existe uma coisa que se vende em bancas (que aqui no interior estão desaparecendo também) que se chamam revistas. Elas são de papel e trazem textos e imagens sobre determinados assuntos. Mesmo que a internet venha trabalhando para que as versões em papel das revistas desapareçam, elas continuam resistindo e, acima de tudo, se adaptando constantemente.

Foi o que mostraram o designer Jerry Gabra e a especialista em vídeos virais (sim, isso existe) Karen X. Cheng. A dupla simplesmente foi atrás das capas das principais revistas americanas e compilaram as mudanças de design, estética e conceitos nos últimos 100 anos. Segundo eles, as capas de revista precisam competir umas com as outras pela atenção do leitor, já que ficam expostas no mesmo local. Mudanças na mentalidade de quem desenha as capas é muito importante para se adaptar ao público.

Um bom exemplo, segundo eles, é a revista Cosmopolitan. Capa da Cosmopolitan começou com mulheres vestidas de forma conservadora. Em seguida, eles começaram a mostrar um pouco de pele. Em seguida, mais pele. Finalmente, elas começaram a posar em posições sensuais.

capas_cosmopolitan

Independente de se as mulheres ganharam mais direitos e podem escolher o que vestir, ou se a capa é utilizada apenas para chamar atenção, o que importa é que atualmente, segundo os autores da pesquisa, uma fórmula básica é encontrada nas capas de quase todas as revistas: uma foto de uma pessoa famosa ou atraente com um texto corajoso que é colocado para chamar a atenção. Sem falar da grande sexualização da maior parte das publicações.

Independente das conclusões dos autores, um olhar rápido por todas as capas que eles conseguiram juntar nos mostra uma das verdades que todo fotógrafo de retratos deveria saber: o conceito de beleza não é imutável. Ele é socialmente construído e pode variar muito em um período pequeno de 100 anos, além do fato de poderem existir vários conceitos de beleza vigentes dependendo da região geográfica.

Vejam abaixo mais algumas capas.

capas_nationalgeographic

capas_qg

capas_seventeen

capas_vanityfair

Para ver o texto completo com todas as comparações e conclusões dos pesquisadores é só clicar aqui.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários