Meio Bit » Baú » Games » YouTube Gaming entra no ar hoje

YouTube Gaming entra no ar hoje

YouTube Gaming, a plataforma de streaming de joguinhos do Google chega para bater de frente com o Twitch

26/08/2015 às 15:00

youtube-gaming

Fato, o Google dormiu no ponto enormemente ao deixar que a Amazon comprasse o Twitch em seu lugar. A ferramenta de streaming em pouco tempo se tornou a mais popular de seu segmento, principalmente pela facilidade de uso e a disponibilidade em diversas plataformas.

Bom, desnecessário dizer que Mountain View não deixaria essa passar em branco, e correu para entregar uma ferramenta tão poderosa quanto a fim de concorrer de igual para igual. E a partir de hoje todos poderão conferir o resultado, o YouTube Gaming.

O Twitch hoje conta com 60 milhões de usuários, entre streamers e espectadores. A ideia por trás do YouTube Gaming é a mesma e pretende angariar toda a audiência dos vloggers de games que já utilizam o serviço tradicional, oferecendo uma página dedicada para cada título. Assim, os usuários poderão navegar entre os games e escolher o streaming ou material arquivado que desejar.

O YouTube Gaming será dividido em categorias. Em Explore você encontrará transmissões e vídeos recomendados, Live exibe os streamings que estão rolando ao vivo, My Channels exibe os feeds do usuário, Popular traz as atrações que estão bombando, Reviews reúne análises de games e Let’s Play cataloga walkthroughs e vídeos de pessoas jogando um game do início ao fim.

youtube-gaming-001

Quando o YouTube Gaming entrar no ar, o algoritmo do serviço de vídeos reconhecerá todo o material já disponível e o transferirá para a nova plataforma, portanto você poderá encontrar seus YouTubers de joguinhos facilmente no novo site.

Porém nem tudo são flores: o Content ID, a ferramenta que identifica material com copyright também estará presente. Assim, o YouTuber receberá um aviso em tempo real caso o algoritmo identifique alguma coisa na transmissão que tenha direitos autorais reservados. Caso o aviso seja ignorado o YouTube bloqueará o streaming, o liberando somente após o conteúdo problemático sumir. Isso é bem diferente do Twitch, que apenas muta vídeos armazenados caso detecte áudio com copyright.

O formato de monetização será o mesmo do YouTube: comerciais, banners e pop-ups serão automaticamente incluídos nos vídeos e transmissões, e a forma de pagamento do Google não deve mudar em comparação aos métodos já utilizados hoje.

Por enquanto o YouTube Gaming estará disponível somente em inglês; o acesso através do site é livre para todos os países em que o YouTube está presente, mas os aplicativos para iOS e Android por enquanto só estarão disponíveis nos EUA e Reino Unido. Em nota ao jornal O Estado de São Paulo, o Google Brasil disse não haver previsão de quando os apps ou a versão em português do site chegam ao Brasil, mas estão trabalhando nisso.

Fonte: YouTube.

Leia mais sobre: , , , .

relacionados


Comentários