Meio Bit » Baú » Mobile » Google vai reduzir o número de bloatwares no Android

Google vai reduzir o número de bloatwares no Android

Novos aparelhos Android poderão vir com menos bloatware do Google; Galaxy Note 5 já não conta com o Google+

24/08/2015 às 15:00

google-apps

Vamos combinar que todos nós temos aquelas pastinhas de aplicações inúteis em nossos smartphones, seja iOS ou Android. Ninguém gosta deles, tanto que muitas fabricantes do robozinho vêm removendo seus bloatwares de dispositivos mais recentes.

E o Google? Não dá para passar a mão na cabeça de Mountain View (ou da Apple, sejamos justos) por sua insistência em atochar o Android com aplicativos que ninguém usa mas que não podem ser removidos, ocupando precioso espaço na memória dos dispositivos. A cópia AOSP despachada para os parceiros obrigatoriamente inclui apps como Play Store, Chrome, Google+, Gmail, Mapas e etc., sem que exista uma opção de evitar incluí-los em suas ROMs personalizadas (que receberão mais apps inúteis). Não que os apps do Google não sejam úteis, mas a opção de desinstalar alguns seria muito bem-vinda.

Só que isso está para mudar. Segundo o Android Central o Google relaxou as regras do AOSP, o que significa que alguns aplicativos antes obrigatórios não mais serão inclusos no pacote. Entre eles estão alguns da série Play como Banca, Games, Livros e outros. Outro aplicativo que perdeu a instalação compulsória foi, sem muita surpresa o Google+. Ele já não está presente no Galaxy Note 5, por exemplo. Eles se unem a apps que já não eram incluídos como o Google Keep e o Google Earth.

Isso ajuda a reduzir a quantidade de bloatware nos smartphones, permitindo que os usuários possam utilizar melhor o espaço disponível de seus dispositivos que antes era ocupado por uma série de apps que só ficavam lá incomodando, e não eram utilizados. E isso é bom para todos.

Fonte: Android Central.

Leia mais sobre: , , , , .

relacionados


Comentários