Meio Bit » Baú » Games » Ubisoft diz ter aprendido com downgrade do Watch Dogs

Ubisoft diz ter aprendido com downgrade do Watch Dogs

Após ser bastante criticada pelo downgrade visual por qual passou o Watch Dogs, Ubisoft diz ter aprendido a lição e isso já pôde ser visto na E3 deste ano.

07/07/2015 às 14:00

watch-dogs

Ultimamente eu tenho notado que a Ubisoft parecesse ter tirado da EA o posto de empresa de games mais odiada, com diversas pessoas adorando odiar tudo o que a desenvolvedora francesa faz, mesmo quando acerta.

É claro que tamanha repulsa não surgiu do nada, com a companhia tendo cometido uma série de erros nos últimos anos e um dos que mais repercutiu foi o suposto downgrade visual por qual passou o Watch Dogs, provavelmente a maior decepção causada por eles recentemente.

Prometendo uma qualidade visual muito superior a que acabamos recebendo quando o jogo foi lançado, as reclamações ainda ecoam pelos corredores da Ubisoft, mas de acordo com o CEO Yves Guillemot, eles souberam tirar proveito da situação.

Com a E3 2015 nós dissemos, ok, vamos nos certificar de que os games são jogáveis, que rodarão nas máquinas a que se destinam. Quando mostramos algo, pedimos à equipe: certifiquem-se de que serão jogáveis, certifiquem-se de que os jogadores poderão ver exatamente o que eles serão. Isso é o que aprendemos com a experiência do Watch Dogs — se o jogo não poderá ser aproveitado na máquina a que se destina, será um risco.

Tendo recebido críticas também por sua mecânica, Guillemot defendeu o título ao dizer que o início de uma franquia como esta é sempre algo muito complicado, já que o jogo é muito complexo e a tendência é que se torne melhor com o lançamento de novos capítulos.

Sem querer fazer aqui o papel de advogado do diabo, acho engraçado os ataques que a Ubisoft recebeu por ter maquiado o jogo, pois mesmo considerando essa atitude lamentável, desde que me entendo por gente tenho visto essa estratégia ser adotada por praticamente todas as desenvolvedoras.

Isso me faz acreditar que jogos que parecem muito mais bonitos em seus estágios de produção nunca deixarão de existir, sendo assim mais um ponto que pesa contra investirmos em ítulos que estejam em pré-venda.

Fonte: The Guardian.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários