Meio Bit » Baú » Internet » El Hueco Twitero, solução huehuehue para governos incompetentes

El Hueco Twitero, solução huehuehue para governos incompetentes

A Cidade do Panamá tinha um problema bem grande de ruas esburacadas. Resolveram, ou ao menos minimizaram de uma forma bem estranha: xingando muito no Twitter, mas não da forma que você imagina…

09/06/2015 às 8:52

ut_interstellarOpener_f

Existe uma Constante no Universo: governos são incompetentes e na América Latina são todos iguais, por mais que tenhamos ilusões de grandeza diante dos Hermanos e da Venezuela. Nossa cultura preguiçosa, baseada no “assim tá bom” faz com que tudo seja feito nas coxas, simplesmente não achamos competência e agilidade como em outros lugares. Duvida? Aqui até os Starbucks são lentos.

Os governos por sua vez querem livrar a própria cara, só mexem a bunda quando o Datena ou o RJ TV aparecem, aí fazem todo um teatro. Isso é verdade para todo lugar, inclusive… Panamá.

A Cidade do Panamá tem um problema grave de pavimentação, as ruas são um lixo, cheias de crateras. Reclamar não adianta, então um programa de TV teve uma idéia maquiavélica:

Projetaram um dispositivo que era colocado em um buraco no asfalto. Cada vez que um carro passava por cima uma mensagem desaforada era tuitada para o perfil da Secretaria de Obras, ou algo assim.

O perfil do Buraco Tuiteiro tem mais de 4.000 seguidores e virou meme no Panamá. Tem até site oficial.

Tuiteiros mandam fotos de outros buracos, e a prefeitura não achou graça. Até um ministro entrou na conversa, denunciando os buracos como resultado de anos de descaso. Dos governos anteriores, naturalmente.

A campanha? Bem, deu certo, a Prefeitura se coçou e está consertando a maioria das ruas.

The Tweeting Pothole from P4 Ogilvy

Infelizmente essa estratégia de humilhação pública só funciona em países onde os políticos ainda têm um mínimo de vergonha na cara, aqui é mais provável o cara ignorar, ou no máximo falar com algum juiz amigo e mandar tirar o Twitter do ar, ou se for na Venezuela, o canal de TV logo.

Fonte: CityLab.

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários