Meio Bit » Baú » Mobile » Microsoft facilitará a portabilidade de apps do iOS e Android para o Windows 10

Microsoft facilitará a portabilidade de apps do iOS e Android para o Windows 10

Ferramenta anunciada pela Microsoft na BUILD 2015 permitirá que desenvolvedores de apps para iOS e Android portem mais facilmente os seus aplicativos para o Windows 10.

29/04/2015 às 19:26

windows-10

Uma reclamação constante e desde sempre, partindo dos usuários de Windows Phone, é a ausência (ou disponibilidade reduzida) de bons e importantes aplicativos na plataforma móvel da Microsoft. Não utilizo o OS, mas tenho muitos amigos e conhecidos que utilizam e a queixa é unânime. Para resolver este problema, a Microsoft deu um importante passo nesta quarta-feira.

Para começar a resolver o problema e povoar o seu sistema móvel, a empresa de Redmond anunciou durante a BUILD 2015 a liberação de dois novos kits para facilitar, aos desenvolvedores de aplicativos, a adaptação de aplicativos para iOS e Android ao Windows 10. Para o robozinho verde, poderão ser utilizados códigos em C++ e Java. Para a maçã, será o Objetive-C.

O objetivo da empresa é permitir uma adaptação com o menor esforço possível e, para isso, no caso de aplicativos que utilizam APIs nativas dos sistemas operacionais, a Microsoft prometeu disponibilizar equivalentes em sua plataforma. Além disso, os novos kits devem facilitar a integração dos apps com recursos do próprio Windows 10, como a Cortana.

Em entrevista ao The Verge, Terry Myerson, da Microsoft, resolveu dar uns petelecos no Google e na Apple. Segundo ele, inicialmente, a empresa pensou em desenvolver o kit somente para iOS, plataforma normalmente priorizada pelos grandes desenvolvedores. Mas, depois, optaram por abranger, também, o Android. Além disso, soltou um “há países em que os dispositivos com iOS não estão disponíveis”.

Ao que tudo indica, os planos da empresa de Bill Gates são bem audaciosos. De acordo com Myerson, nos próximos três anos, a estimativa da Microsoft é ter o Windows 10 presente em nada menos que um bilhão de dispositivos. Obviamente que, para conseguirem alcançar tal marca, terão que contar com o apoio considerável dos desenvolvedores Android e iOS.

Não há como não ver, com bons olhos, a iniciativa da Microsoft. Ao ajudar os desenvolvedores a criarem aplicativos para o seu sistema, ela não somente se auto-beneficia, como, também, beneficia todos aqueles que gostam da sua plataforma móvel.

relacionados


Comentários