Meio Bit » Baú » Internet » Google dá pra trás e desiste de banir saliência do Blogger

Google dá pra trás e desiste de banir saliência do Blogger

Ok, essa é pra animar: o Google acha que JÁ domina o mundo, e tomou uma atitude digna do Dr Evil: avisou que ia proibir conteúdo de sacanagem no Blogger. O pessoal, claro, não gostou, chiou muito, e com a mesma pompa e circunstância que anunciaram as medidas moralizadoras, agora avisaram que não é bem assim…

27/02/2015 às 20:35

quagmire

Hoje em dia então a oferta de material porno-recreativo é tão grande que é incrível haver gente pagando por esse tipo de coisa, como é incrível haver gente que reclame de firewalls corporativos bloqueando Xvideos e sites semelhantes. A maior quantidade de material onano-recreativo está nos blogs, em sites como Tumblr, Blogger e Reddit.

Curioso é que só agora esse pessoal se tocou: o Reddit está apertando o pessoal da safardanagem, e o Google baixou normas draconianas para botar ordem no Blogger, que permitia as maiores barbaridades.

Bem, não mais. Visto que em algum momento você se torna responsável pelo que cria, sendo uma raposa ou não, baixaram uma norma de que a partir de 23 de março estará proibido compartilhar no Blogger imagens ou vídeos sexualmente explícitos ou que contenham nudez “gráfica”.

Nudez ainda será permitida se o conteúdo oferecer um substancial benefício ao público, como em contextos educacionais, artísticos, documentacionais ou científicos.

Blogs antigos que oferecem esse tipo de conteúdo serão mantidos mas passarão a funcionar como privados, só os admins e usuários convidados poderão acessar. Blogs novos que subirem material proibido serão apagados ou pior.

vfh3TFd

Beleza? Não. No melhor estilo vai ser bom não foi o pessoal chiou. A maior parte do conteúdo adulto no Blogger fica atrás daquela telinha antipática que em geral promete muito mais do que entrega, e gente com blogs de mais de dez anos teria que revisar seus posts para evitar ser tratado como uma piranha social*.

Alterar as regras e mandar os outros rezarem para que você não as altere de novo é fácil quando se é um Sith Lord, empresas não têm essa facilidade, ainda mais lidando com um público volátil como a internet.

Você pode ter regras esquisitas, pode ter uma moralidade de freira muçulmana crente, mas tem que ser desde o começo. O Instagram vale bilhões mesmo com sua regra anti-peitinhos, eles passam o rodo sem dó, a Rihanna rodou por isso. O Facebook idem. Quando o Yahoo comprou o Tumblr, um dos maiores repositórios de safardanagem online, fez questão de dizer que não tocaria no conteúdo.

A ameaça de todo mundo ir embora para pastagens mais verdes fez com que o Google explicasse “calma não é bem assim, façamos o seguinte, marquem os blogs como NSFW, a gente usa a mesma telinha de aviso de sempre, e não se fala mais nisso”.

O Google esbanjou arrogância, e colheu os frutos disso. Não estão voltando atrás por “respeito”, estão voltando atrás por medo, mas tenho certeza que Frank Underwood diria que dá no mesmo, se o resultado esperado foi obtido.

Fonte: EG.

*Valendo uma cópia do meu novo eBook inteiramente grátis pra quem pegar essa.

relacionados


Comentários