Meio Bit » Baú » Áudio e vídeo » EmissorasdeTVacelerandoséries praentubarmaiscomerciais

EmissorasdeTVacelerandoséries praentubarmaiscomerciais

E a Internet desvenda mais uma: graças a um usuário do YouTube fica evidente como os canais de TV aceleram os episódios de séries, pra passarem mais rápido e abrir espaço pra entubarem mais comerciais.

19/02/2015 às 17:34

2375047569_c2cb46afda

Entre todas as criaturas nefastas™ nenhuma se assemelha ao Executivo de TV. Pra começar eles não gostam nem conhecem o próprio produto, e não ligam pra quem gosta. Essencialmente a programação de TV existe para manter o espectador preso entre os comerciais, e só. O único número que importa é o faturamento, então não adianta uma série estar entre as mais vistas do canal, se mesmo assim a publicidade não render, roda.

Executivos de TV cancelaram Star Trek e Firefly, mataram desenhos do Batman e d'Os Vingadores apenas para lançar novas séries com os mesmos personagens e vender uma nova linha de bonecos. Executivos de TV cortam os créditos dos filmes, e quando isso não é possível espremem no canto da tela para abrir uma janela e passar chamadas e comerciais enquanto o filme não termina de acabar.

Eles inventaram splashes e inserts poluindo a imagem. Eles cortam aberturas, encerramentos, cenas inteiras de séries para enfiar mais alguns comerciais, e agora a última atitude canalha:

O pessoal do Snopes reparou que havia algo errado em Seinfeld. Foram pesquisar e descobriram o motivo: o canal estava acelerando o vídeo, assim o episódio passa mais rápido e sobra mais espaço pra enfiar uns comerciais a mais.

Há casos onde programas são acelerados em 7%.

Um usuário do YouTube colocou lado-a-lado (ok, em cima e embaixo) o mesmo episódio de Seinfeld, na versão original e na versão passada no canal TBS. A diferença é evidente.

ltclassics — TBS speeds up Seinfeld 7.5 percent

Essa técnica, chamada de tailoring causa a impressão de aumento de velocidade, diminui o tempo de duração do vídeo mas não acelera a framerate, isso seria percebido no áudio. Ela usa de um recurso bem canalha: elimina frames, assim se uma cena de 1 segundo tem 30 frames, ela corta 2. Em 10 segundos ganha-se quase 1 s de tempo.

Idéia maligna, vil, cruel, impiedosa e lucrativa. Digna de gente que cria BBB e cancela Beakman na Netflix.

Fonte: EG.

Leia mais sobre: , , , , , .

relacionados


Comentários