Meio Bit » Baú » Internet » RapidShare anuncia o fim de suas atividades em 31 de março

RapidShare anuncia o fim de suas atividades em 31 de março

Após mais de 12 anos em operação, o RapidShare anunciou que, após o próximo dia 31 de março, todas as contas e arquivos lá hospedados serão excluídos.

10/02/2015 às 21:30

rapidshare_logo

Entre os leitores do MeioBit, acredito não haver um que nunca tenha utilizado o RapidShare. Criado em 2002, quando a internet no Brasil ainda era movida a carvão, o serviço de armazenamento e compartilhamento de arquivos se tornou um dos mais (se não o mais) utilizados no mundo. Mas, com todo bônus, normalmente vem um ônus grudado e, no caso de serviços como este, assim como o MegaUpload, a pirataria sempre foi a pedra no sapato dos administradores.

Em meados do ano passado, após demitir boa parte dos seus funcionários, o serviço resolveu encerrar a opção de uso gratuito (acredito que algo perto de 99,999% dos usuários do serviço) e passar a oferecer, exclusivamente, planos pagos de hospedagem cujo valor do plano mais básico era de apenas cinquenta euros. Pois é.

rapidshare_encerramento

Nesta terça-feira, o RapidShare anunciou, através de um aviso na home do serviço, que está encerrando as suas atividades. Os atuais usuários dos planos pagos terão até o próximo dia 28 de fevereiro para baixarem os seus arquivos e, a partir de 31 de março, nenhum arquivo poderá mais ser baixado dos servidores. Após a data, as contas serão excluídas e, com elas, os arquivos dos usuários serão sumariamente extintos.

Apesar de a empresa não ter deixado evidente o motivo do encerramento das atividades, é possível que o novo modelo de negócios adotado pelo RapidShare não tenha surtido muito efeito e a adesão aos novos planos tenha sido muito aquém do esperado.

Deixo registrado, aqui, o meu muito obrigado ao serviço por toda a putaria todo o material didático que baixei ao longo de tantos e tantos anos. Descanse em paz, RapidShare!

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários