Meio Bit » Arquivos » Games » Kojima adoraria ver um remake do Metal Gear Solid

Kojima adoraria ver um remake do Metal Gear Solid

Hideo Kojima diz que adoraria ver o Metal Gear Solid sendo refeito como um jogo de mundo aberto, mas que no momento não tem tempo para isso.

03/02/2015 às 8:30

mgs-twin-snakes

Enquanto várias desenvolvedoras de jogos preferem seguir pelo caminho mais fácil, relançando jogos que apareceram há poucos anos e que praticamente não ganham melhorias na nova geração, muitas pérolas continuam enterradas e esquecidas sob os escombros do avanço tecnológico, como por exemplo o Metal Gear Solid.

Extremamente revolucionário e na minha opinião, um dos melhores jogos já criados, a criação de Hideo Kojima chegou a receber um remake, mas como ele foi lançado apenas para o GameCube, a quantidade de pessoas que tiveram acesso a ele é muito menor do que deveria e por isso o título continua sendo um dos mais pedidos para ser “ressuscitado”.

Pois foi durante uma visita ao Taipei Game Show que o game designer falou sobre a possibilidade de vermos um remake do jogo que o tornou tão conhecido. Para ele, seria muito bom se isso acontecesse, mas como tem se dedicado plenamente ao Metal Gear Solid V: The Phantom Pain, não teria tempo para trabalhar na recriação.

De acordo com Kojima-san, seria fantástico poder jogar numa versão mundo aberto de Shadow Moses, o que exigiria que o jogo utilizasse uma nova engine e muita mão de obra, tornando o projeto bastante complicado e pelo menos por enquanto, improvável.

Pois eu não sei muito bem o que pensar sobre a proposta. Ao mesmo tempo em que considero interessante a ideia de um MGS sem as limitações imposta pelo primeiro PlayStation, acho que um mundo aberto mudaria muito o estilo e por isso tenho a tendência a preferir algo como o que o Metal Gear Solid: The Twin Snakes nos ofereceu.

Creio que o melhor mesmo seria a Konami considerar seriamente o relançamento deste remake, assim como a Capcom fez com o Resident Evil e se a Kojima Productions não possui gente suficiente para dar o devido tratamento ao game lançado em 2004 para o antigo console da Nintendo, então que contrate um estúdio para fazer isso. Tenho certeza que venderia muitas, mas muitas cópias.

Fonte: DualShockers.

relacionados


Comentários