Meio Bit » Baú » Games » Microsoft sugere retornos das séries Banjo-Kazooie, Battletoads e Perfect Dark

Microsoft sugere retornos das séries Banjo-Kazooie, Battletoads e Perfect Dark

Executivo da Microsoft afirma que cedo ou tarde veremos novos capítulos para as séries Banjo-Kazooie, Battletoads e Perfect Dark, e no caso deste último chegou a sugerir que poderá não ser um jogo em primeira pessoa.

13/01/2015 às 8:32

Banjo-Kazooie

Poucas desenvolvedoras possuem franquias tão adoradas quanto a Rare e com a Microsoft praticamente tendo desistido do Kinect, tem crescido entre os fãs a expectativa para que o estúdio deixe um pouco de lado os avatares e o Kinect Sports, e passe a dedicar seu tempo ao ressurgimento de alguns clássicos.

Pois foi sobre isso que falou Ken Lobb ao podcast Inner Circle, reconhecendo o interesse dos jogadores e afirmando que se trata apenas de uma questão de tempo até que um novo Banjo-Kazooie ou um Perfect Dark apareçam no Xbox One.

Existirá outro Banjo, Viva, Blast Corps, Battletoads? Sim, algum dia. E acho que o motivo pelo qual vocês viram o registro de marcas como Battletoads revividas é porque sabemos que existe um valor ali,” declarou o diretor criativo da Microsoft Studios. “Então nós renovamos o registro da marca. Isso significa um lançamento para este ano? Não. Significa que nunca será lançado? Absolutamente não. Temos muita paixão por cada um desses jogos e temos surpresas guardadas para o futuro próximo e mais distante.

O mais interessante na declaração talvez seja este “futuro próximo”, além do executivo ter elogiado bastante a postura de Phil Spencer, chefe da divisão Xbox, pois este saberia muito bem como valorizar uma marca. Além disso, Lobb garantiu que atualmente nenhum estúdio está trabalhando na criação de um novo Perfect Dark, mas revelou que a série tem sido motivo constante de discussões internas e até mencionou que o próximo capítulo pode acabar não sendo um jogo de tiro, focando mais na história da protagonista Joanna Dark.

A justificativa de que a Microsoft já explora séries como Halo e Gears of Wars pode fazer algum sentido para pesar contra um Perfect Dark FPS, com o sujeito tendo sugerido por exemplo um jogo furtivo em terceira pessoa, mas depois da Microsoft ter anunciado um Minecraft feito pela Telltale, não ficarei surpreso se esta franquia também receber o mesmo tratamento.

The Inner Circle special - Xbox One Exclusives talk with Ken Lobb

relacionados


Comentários