Meio Bit » Baú » Games » Desenvolvedora do Blacklight: Retribution fecha as portas

Desenvolvedora do Blacklight: Retribution fecha as portas

Depois de mais de 20 anos no mercado, Zombie Studios fecha as portas, mas jogadores do Blacklight: Retribution podem ficar tranquilos, pois o jogo continuará sendo desenvolvido por ex-funcionários da empresa.

09/01/2015 às 8:30

Blacklight-Retribution

Fundada em 1994 e tendo criado alguns jogos que fizeram algum sucesso, como o Daylight, o Blacklight: Retribution e principalmente, a série Spec Ops, esta semana a Zombie Studios anunciou aquilo que é sempre muito triste: a desenvolvedora situada em Seattle deixará de existir.

Os proprietários da Zombie Studios estão se retirando e gostariam de agradecer a vocês, nossos fãs, pelos anos de apoio que nos forneceram,” diz o comunicado oficial emitido por eles. “Tem sido incrível trabalhar com todas as várias tecnologias ao longo dos anos, tanto de hardware quanto de software, crescendo com a indústria e com nossos fãs, e produzindo jogos e tecnologias próprias.

Tendo estreado na indústria com um simulador espacial para computadores chamado Ice & Fire, o estúdio também criou um simulador militar para o exército norte-americano e foi o responsável pela adaptação para os games do filme Jogos Mortais. No ano passado ele chamou a atenção de algumas pessoas com o jogo de terror Daylight, principalmente por este ser gerado proceduralmente e por prometer permitir que os espectadores do Twitch influenciassem na experiência do jogador.

Contudo, tal anúncio deixou preocupado boa parte daqueles que dedicam seu tempo ao Blacklight: Retribution, título gratuito disponível desde 2012 e que tem divertido algumas pessoas no PC e no PlayStation 4, mas a princípio os jogadores podem ficar tranquilos.

Acontece que alguns funcionários da Zombie Studios fundaram a Builder Box e adquiriram os direitos para continuar mantendo o título. Ou seja, embora o FPS mudará de desenvolvedora, as pessoas que trabalharão nele serão as mesmas que os criaram, então imagina-se que a qualidade não deva ser comprometida.

Infelizmente este é mais um estúdio antigo que deixa de existir, mas segundo relatos, parece que tudo aconteceu da melhor forma possível, sem que deixassem dívidas para trás e com o principal título da desenvolvedora ficando em boas mãos. Tomara então que os novos responsáveis pelo Blacklight: Retribution consigam fazer um bom trabalho.

Fonte: CVG.

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários