Meio Bit » Baú » Games » Poderá o Final Fantasy XV definir o futuro dos consoles no Japão?

Poderá o Final Fantasy XV definir o futuro dos consoles no Japão?

De acordo com co-diretor do Final Fantasy XV, se o jogo não tiver um bom desempenho comercial no Japão, isso pode representar que não existe mais espaço para consoles por lá.

10/09/2014 às 17:01

final-fantasy-15

A indústria de games no Japão tem passado por várias mudanças e uma das mais significativas talvez seja a queda nas vendas dos consoles. Por lá as pessoas tem passado cada vez menos tempo sentadas diante da TV enquanto jogam, algo que tem feito com que até o PlayStation 4 venda menos do que o esperado e feito com que o Xbox One chegasse sem causar alarde, vendendo menos de 24 mil unidades, menos da metade do que o registrado na estreia do Xbox 360 no país.

Mas como as empresas poderiam mudar este cenário? Uma resposta para esta pergunta certamente não é fácil de ser dada, mas Hajime Tabata, co-diretor do Final Fantasy XV acredita saber o que precisa acontecer e claro, envolve diretamente a sua criação.

É algo bastante único ao Japão, onde todos estão em meios de transporte – eles encaram longas viagens de trem e ônibus para chegarem ao trabalho, possuem tempo para jogar em seus dispositivos móveis, ou gastam mais tempo em seus quartos, ao invés de gastarem mais tempo em suas salas de estar.

Então, quanto a como os jogos para console serão recebidos, não diria que não tenho preocupações, mas acredito que isso realmente dependerá de como o Final Fantasy XV se sairá… Se o Final Fantasy XV não for bem, talvez não exista muito futuro para os jogos de console.

Por mais que a declaração possa parecer um pouco pretensiosa, acho que Tabata tem alguma razão. A história nos mostra que um lançamento da franquia tem a capacidade de arrastar verdadeiras multidões até as lojas e se o FFXV não conseguir fazer isso, acho provável que este seja o último prego no caixão dos consoles no Japão.

Com isso não quero dizer que eles deixarão de existir, mas confirmará que a relevância desses aparelhos caiu exponencialmente no arquipélago e ao olharmos para o desempenho do Final Fantasy XIII e todas as suas expansões por lá, percebemos que a situação é bastante preocupante.

Fonte: CVG.

relacionados


Comentários