Meio Bit » Arquivos » Games » A cena extra do The Last of US que não chegou a ser gravada

A cena extra do The Last of US que não chegou a ser gravada

Para divulgar o lançamento do The Last os Us para PS4, a Naughty Dog realizou uma peça de teatro sobre o jogo e nela foi mostrada uma marcante cena que não chegou a ser incluída no título.

30/07/2014 às 10:00

the-last-of-us

Para divulgar o lançamento da versão para PlayStation 4 do The Last of Us, no último final de semana a Naughty Dog organizou uma apresentação de teatro onde os dubladores dos protagonistas encenaram algumas passagens do título, mas o que ninguém poderia imaginar é que ele mostrariam justamente uma cena que não chegou a aparecer no versão final do game.

Escrita pelo próprio diretor do jogo, Neil Druckmann, durante a peça foi pedido que as pessoas não filmasse o trecho, já que segundo os envolvidos, ele nunca mais será mostrado e por isso a intenção era que aquele momento se tornasse ainda mais marcante para os presentes e pelos depoimentos de quem esteve lá, tal cena poderia ter sido memorável.

Caso você ainda não tenha terminado o The Last of Us, recomendo não continuar lendo a partir daqui, pois a descrição que colocarei está repleta de spoilers, portanto, esteja avisado.

Passada quatro anos após o fim do jogo, a cena mostra Ellie em um quarto na casa de Tommy e enquanto a garota ouve música, Joel entra no lugar segurando um violão e enquanto o sujeito fala sobre seu possível casamento com um mulher chamada Esther, a jovem parece não dar muita bola.

Joel então resolve presentar a menina com o instrumento e promete ensiná-la a tocar, começando a cantar para ela e após fazer uma piada, ambos riem e ele sai, para então Ellie se arriscar com o violão.

Segundos relatos, a cena dá a entender que a dupla está se separando e que a garota descobriu o que Joel fez para protegê-la, e antes que alguém diga que os envolvidos com o game inventaram isso recentemente só para chamar a atenção, saiba que a imagem que abre este post é uma belíssima arte conceitual criada pelo artista Marek Okon, dando a entender que a cena esteve perto de ser produzida.

Eu não sei quanto a vocês, mas mesmo achando o final do The Last of Us praticamente perfeito, acho que tal sequência cairia muito bem após os créditos e se por um lado não lamento ela ter sido deixada de lado, por outro foi muito bom saber que chegou a ser idealizada, pois assim eu pude relembrar muitas das situações que foram retratadas no jogo.

Fonte: CVG.

relacionados


Comentários