Meio Bit » Baú » Fotografia » Piratas Urbanos — fotografando sem a visão

Piratas Urbanos — fotografando sem a visão

O fotógrafo Sérgio Silva, que perdeu a visão do olho esquerdo cobrindo as manifestações do ano passado, está protestando contra a violência com a exposição Piratas Urbanos.

20/06/2014 às 18:27

Pode parecer um tema estranho para quem nunca conheceu um fotógrafo nessa situação, mas existem grandes artistas que produzem fotografia e não enxergam. Já comentei em algumas ocasiões aqui no site que tive o privilégio de fazer um curso com uma fotógrafa cega. O mundo deles é totalmente diferente do nosso, pois eles fotografam utilizando os outros sentidos. Ou seja, imagens de sons, cheiros e texturas. Alguém pode contar para eles depois com o que está representado nas imagens, mas para alguns deles isso nem é importante. Ou seja, para fotografar é preciso existir luz, mas você não precisa vê-la.

O caso aqui não é bem esse, mas o impacto poderia ser devastador. O fotógrafo Sérgio Silva ficou famoso no dia 13 de junho de 2013 por um motivo trágico. Ao fazer a cobertura dos protestos que tomaram conta do país no ano passado, ele foi atingido por uma bala de borracha no olho esquerdo e perdeu a visão deste lado. Vocês podem até me dizer que ele ainda enxerga com um olho, mas imaginam o impacto para um profissional que trabalha com o olhar. Agora, depois de um grande período de recuperação, e adaptação à sua nova realidade, Sérgio está lançando a exposição Piratas Urbanos, onde convidou amigos e algumas celebridades a posarem para um retrato usando um tapa-olho de pirata. A ideia era mostrar para a pessoa fotografada como era viver sem a visão de um olho e ao mesmo tempo fazer um protesto contra a violência policial.

O legal é que muita gente apoiou o projeto e temos retratos do fotógrafo Sebastião Salgado, do Senador Eduardo Suplicy e do músico André Abujamra. A exposição vai estar na sede da ONG Coletivo Digital (Rua Cônego Eugênio Leite, 1117 — Pinheiros, São Paulo) e pode ser visitada até o dia 28 de junho de segunda a sexta entre 10 h e 19 h e aos sábados das 10:00 as 17:00.

folder piratas urbanos

Leia mais sobre: , , , , .

relacionados


Comentários