Meio Bit » Baú » Games » Capcom agora pode ser comprada por outra empresa

Capcom agora pode ser comprada por outra empresa

Depois de seis anos de medida preventiva que evitava que as ações da empresa fossem vendidas, Capcom revela que maioria votou pelo fim da proibição e agora a companhia pode ganhar um novo acionista majoritário.

17/06/2014 às 13:00

street-fighter

Visando se proteger da investida de empresas com os cofres cheios de dinheiro, em 2008 a Capcom instaurou uma medida que impedia que suas ações fossem vendidas, mas numa atitude bastante surpreendente, a companhia japonesa anunciou que aquela estratégia não está mais valendo.

De acordo com o comunicado oficial, a decisão foi tomada durante uma reunião entre os acionista e como a maioria votou pela fim da proibição, agora teoricamente qualquer um poderá adquirir uma boa parte das ações ou quem sabe, tornar-se o principal mandatário.

Na mesma nota a Capcom fez questão de dizer que apesar da mudança, eles “continuarão focando em preservar e melhorar o valor da corporação, assim como os interesse comuns de seus acionistas” e se surgir o interesse em adquirir uma grande parcela da empresa, eles tentarão tomar as medidas necessárias para amenizar a situação, como por exemplo permitir que aqueles que possuem parte da empresa e os diretores examinem a possível proposta.

Evidentemente, o grande receio aqui é que um eventual comprador queira mudar consideravelmente a política da editora e depois de termos visto várias experiências assim após outras negociações, não é de se duvidar que isso possa mesmo acontecer. Por outro lado, uma boa injeção de dinheiro poderia acabar ajudando a produção de novos jogos.

Particularmente sempre acho bastante complicado tentar prever no que uma venda dessas, se é que um dia ela ocorrerá, poderia resultar, mas tente pensar no ganho que uma companhia teria ao adicionar todas as franquias da Capcom ao seu portfólio. Mesmo que o negócio custasse uma bela quantia, já pensou se, por exemplo, a Nintendo resolvesse investir na compra e consequentemente levasse uma enorme quantidade de exclusivos de peso?

Não sei, mas desconfio que a essa altura do campeonato, deve ter muitos executivos por aí fazendo algumas continhas.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários