Meio Bit » Arquivos » Hardware » AOC apresenta fábrica e suas novidades para 2014

AOC apresenta fábrica e suas novidades para 2014

22/05/2014 às 16:30

aoc-002

Em evento realizado nesta quarta-feira, a AOC convidou o MeioBit a fazer uma visita à sua fábrica em Jundiaí a fim de mostrar tanto o processo de fabricação de seus produtos, como também revelar sua linha de produtos para 2014. Entre as novidades destaca-se um monitor LED com alimentação USB e um All-in-One com Android e preço bem acessível.

A linha EVO LED de All-in-Ones tem diversos modelos para atender gostos específicos de cada consumidor. Com displays de 19,5 polegadas, ele vem disponível com Windows 8.1 ou Linux e diversas opções de configuração, mas é importante notar que o foco deste produto é o consumidor que deseja um PC descomplicado, para atender as necessidades mais básicas. Por isso o EVO Android (abaixo) é a principal aposta da AOC. Como já falamos anteriormente, o principal motivo da queda brusca das vendas de PCs em todo mundo é o fato de que os consumidores só querem uma máquina capaz de conectar na internet, acessar as redes sociais e pronto.

aoc-001

Esse produto, que roda Android 4.1 Jelly Bean (o update para o 4.2 está previsto, mas nada foi dito sobre versões mais recentes) se mostra suficiente para esse público, ainda mais por já estarem adaptados ao sistema operacional mobile do Google. Com processador dual-core de 1,2 GHz e design clean, ele será o computador suficiente para muita gente. Ele custará apenas R$ 799 e chegará nas lojas em julho. Uma versão com display touchscreen de 21,5" será lançado junto custando R$ 1.299,00.

O All-in-One entretanto não era o único modelo com Android. Os tablets Breeze de 7 e 8 polegadas, com resolução básica respectivamente de 1024 x 600 e 1024 x 768 pixels, processadores dual-core de 1,2 e 1,6 GHz, 4 e 8 GB de espaço interno e entrada para cartão Micro-SD, ambos modelos também rodam a versão 4.1 do robozinho do Google e como o EVO Android, também serão atualizados para o 4.2. A preocupação aqui é se a AOC vai manter seus alinhados com as versões mais recentes do sistema.

aoc-003

Os monitores também receberam destaque. O modelo SmartTouch de 19,5 polegadas é uma solução interessante para resolver uma limitação de hardware em alguns produtos, transformando o reconhecimento de apenas um ponto de toque (o Windows 8 reconhece bem mais, por exemplo outro lançamento reconhece dez pontos de toque, literalmente permitindo tocar piano nele) em uma solução de dois pontos, permitindo movimentos comuns a smartphones como pinça e mais importante, sem que isso se reflita no valor final do produto.

Outro curioso produto é o monitor USB LED de 15,6" (acima), que não possui fonte integrada. Sua fonte de alimentação é pura e simplesmente via USB, enviando sinal e energia. Ele é indicado para usuários de notebooks que gostariam de expandir sua área de trabalho, e embora a AOC o venda como extremamente leve e portátil questiono se alguém realmente chegaria ao ponto de carregar um note e o display numa mochila todo o tempo, exceto em ocasiões muito específicas.

A AOC

aoc-004

Instalada no Brasil desde 1997, a TPV, representante mundial da marca AOC abriu sua primeira fábrica, a antiga de Manaus em 2004. A planta que visitamos instalada em Jundiái foi aberta em 2008 e é responsável pela produção de monitores, tablets, AIOs e digital singnages, aqueles monitores profissionais instalados geralmente em aeroportos. Entretanto a AOC não é a única marca que ela representa: a TPV adquiriu toda a linha de produção de displays da Philips, além de produzir em regime OEM para concorrentes como Dell, Positivo, Lenovo e HP. A produção de TVs é reservada à atual fábrica de Manaus.

A planta de Jundiaí conta com 38 mil metros quadrados e 750 funcionários, a maioria da própria cidade. É importante notar que assim como a Lenovo, a maior parte dos funcionários na linha de produção de monitores são mulheres, e o motivo é o mesmo: maior destreza e concentração na hora de lidar com componentes pequenos.

Em conversa com o gerente de marketing da Christian Haack, a percepção do público sobre a AOC tem mudado ao longo dos anos, deixando de ser visto como um produto de baixa qualidade. Essa é uma dificuldade que a Lenovo ainda tem com a CCE, que possui aqueles velhos apelidos que todo mundo conhece. Ainda assim, a empresa sabe que marcas ainda chamam atenção e produtos mais refinados saem com o emblema da Philips, mas basicamente os produtos são iguais.

Além disso, a AOC também apresentou novos televisores mas nenhum apresentado era 4K, a nova tendência do mercado. Haack disse que a previsão é de novos modelos com a resolução cheguem ao mercado no próximo mês, a tempo para a Copa do Mundo.

Leia mais sobre: , , , , , , , , .

relacionados


Comentários