Meio Bit » Arquivos » Games » Nintendo recusou parceria com criadores do Skylanders

Nintendo recusou parceria com criadores do Skylanders

Criadores da franquia Skylanders dizem que ela foi criada visando a Nintendo, mas após uma apresentação do projeto, a casa do Mario preferiu não fechar uma parceria. Resultado? Os japoneses perderam a oportunidade de lucrar algumas centenas de milhões de dólares.

17/04/2014 às 8:30

skylanders

A Nintendo muitas vezes é apontada como uma das empresas mais inovadoras da indústria, mas as vezes tenho a sensação de que isso faz com que alguns executivos a considerem superior, os fazendo perder algumas oportunidades de negócios que poderiam ser fantásticos.

Um ótimo exemplo disso foi a revelação feita por Fred Ford, co-fundador da Toys for Bob, que caso você não conheça, é o estúdio responsável pela série Skylanders. Segundo ele, o jogo foi idealizado tendo a Nintendo em mente, então resolveram se reunir com os executivos da NoA para ver se teriam interesse em financiar o projeto, mas…

A Nintendo passou bastante tempo olhando e olhando,” disse o outro fundador da empresa, Paul Reiche. “Eles reagiram meio que, ‘nós nunca vimos algo assim antes.’ Eu sempre me perguntei sobre o total significado daquele comentário [risos].

Como bem sabemos, a companhia japonesa acabou não aceitando a parceria, o que poderia lhe garantir uma exclusividade ao menos no primeiro jogo e para Reiche, eles nunca entenderam o porquê disso ter acontecido. Na sua opinião, como a BigN possui uma série de franquias que se encaixariam perfeitamente com o estilo do Skylanders, os executivos de lá provavelmente lamentarão sua decisão até o fim de seus dias.

Pode até parecer exagero, mas de fato a Nintendo deixou passar uma oportunidade de ouro com esse aí. Hoje a franquia possui três jogos, Skylanders: Spyro's Adventure, Skylanders Giants e Skylanders: Swap Force, tendo gerado mais de US$ 2 bilhões desde o seu início. Agora, pense no potencial financeiro para algo nesses moldes usando personagens como Mario, Zelda ou tantos outros da BigN e fica fácil perceber porque também devemos valorizar as ideias dos outros.

Fonte: IGN.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários